Notícias

Linha de crédito reforça projetos de agricultoras familiares gaúchas

Publicado em 16/07/2021 19h12
credito_mulher_16jul2021_rsacervo_pessoal.jpeg

Foto de acervo pessoal de Lucivane Alves de Oliveira

A partir deste mês, 18 famílias de 14 assentamentos no Rio Grande do Sul podem acessar o Crédito Instalação viabilizado pelo Incra. A autarquia liberou o pagamento de 14 contratos de Fomento Mulher e quatro da modalidade Apoio Inicial, totalizando R$ 90,8 mil para incrementar atividades produtivas.

Em Candiota, oito assentadas recebem o aporte específico para o público feminino no valor individual de R$ 5 mil. A maioria dos projetos, segundo a Emater-RS, é direcionada ao desenvolvimento da pecuária leiteira ou ovinocultura.

As cunhadas Clarice Pinheiro Couto e Lucivane Alves de Oliveira, do assentamento Santo Antônio II/Conquista do Povo de Tupã, em Candiota, pretendem dinamizar o trabalho em seus lotes. Clarice garante que o Fomento Mulher “é uma ajuda importante, que chega em boa hora”.

Para Lucivane, “o crédito é a chance de comprar mais vacas e aumentar a produção de leite”, que chega a 100 litros por dia no verão (e no inverno fica em torno de 20 litros), comercializados em uma cooperativa da região. Com o recurso disponibilizado, ela planeja ampliar o atual plantel de seis animais em lactação.

“A gente investe nisso há 20 anos, desde que chegamos aqui. É a nossa sobrevivência, principal fonte de renda para pagar as contas, consumo da casa e para nossa alimentação. Nosso campo é cheio de pastagem, plantamos milho e aveia para o gado leiteiro”, conta a assentada.

Operacionalização
Ainda, com o Fomento Mulher foram beneficiadas agricultoras dos assentamentos Santa Fé, Os Pioneiros, Estancinha, Madrugada e Dos Cerros/Conquista dos Cerros (em Candiota); Potreiro Grande (em Rosário do Sul); Doze De Julho (em Canguçu); Apolônio De Carvalho e Fazenda São Pedro (em Eldorado do Sul).

Os projetos técnicos exigidos para a concessão dessa linha de fomento voltada para as agricultoras familiares consideram a realidade de cada assentada, e são elaborados por técnicos da Emater-RS. A entidade também auxilia o Incra na coleta de assinaturas dos contratos e encaminhamento de documentos necessários.

Já os benefícios concedidos por meio do Crédito Instalação Apoio Inicial - no valor individual de R$ 5,2 mil – atenderam famílias dos assentamentos Fazenda Santa Helena (em São Miguel das Missões), Ibicuí (em Santana do Livramento), Noel Guarani e São João (em Bossoroca).

Todos os contemplados devem sacar o recurso em até 120 dias nas agências do Banco do Brasil, a contar de 1º de julho. A operação pode ser realizada com o cartão do Crédito Instalação ou documento de identidade com foto.

Assessoria de Comunicação - Incra/RS
imprensa.rs@incra.gov.br
(51) 3284-3311 ou 3309
facebook.com/IncraRS

Agricultura e Pecuária