Notícias

PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Webinário sobre deficiência no Brasil revela desafios da área

Evento é uma parceria da Secretaria Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SNDPD), do MMFDH, em parceria com o Instituto Olga Kos.
Publicado em 13/09/2021 14h25 Atualizado em 13/09/2021 17h22
Webinário sobre deficiência no Brasil revela desafios da área

Por vídeo, a ministra Damares Alves falou na abertura do evento promovido pelo MMFDH e o Instituto Olga Kos

A titular do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), Damares Alves, participou da abertura do I Webinário Nacional sobre Dados e Informações sobre Deficiência, nesta segunda-feira (13). O evento é uma iniciativa da Secretaria Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (SNDPD) do MMFDH, em parceria com o Instituto Olga Kos. Assista o depoimento da ministra.

Na oportunidade, Damares demonstrou preocupação com os números de violência contra pessoas com deficiência registrados nos canais de denúncia da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos (ONDH). Somente em 2021, até o dia 8 de setembro, foram 30.107 registros de violações de direitos humanos contra pessoas com deficiência e 7.748 denúncias de violência contra este público.

“São as mais terríveis crueldades que nós nos deparamos nesse período. Nós já encontramos pessoas com deficiência amarradas, escondidas dentro de casa, presas em cativeiro e a gente precisa dar um basta nisso. Vamos aproveitar esse seminário para divulgar nosso canal de recebimento de denúncias, que é o Disque 100, que este número seja de conhecimento da própria pessoa com deficiência, para que ela seja a autora da denúncia. Este governo tem mostrado que a pauta da pessoa com deficiência é prioridade”, ressaltou a ministra Damares.

Números

O coordenador-geral de Dados e Informação da Pessoa com Deficiência, da SNDPD, Március Crispim, lembrou que a deficiência não é mais escondida e está presente no cotidiano das pessoas. Crispim divulgou ainda números relacionados a essa parcela da população.

“Praticamente todos nós vamos experimentar alguma forma de deficiência em algum estágio da nossa vida. Espera-se que o número de pessoas com deficiência aumente nos próximos anos principalmente devido ao envelhecimento da população. A Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), divulgada em agosto desse ano, nos informou que são 13,3 milhões de pessoas com deficiência com dois anos ou mais de idade no Brasil, o que significa 8,4% da população brasileira”, disse Március.

Webinário

O evento segue com transmissões até quarta-feira (15), com debates sobre o conceito de deficiência na Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e a incorporação nas pesquisas públicas brasileiras; sobre a releitura dos dados sobre as pessoas com deficiência (PCD) no Brasil e a criação do Índice Nacional de Inclusão Olga Kos da Pessoa com Deficiência. O sistema está em desenvolvimento para identificar o grau de inclusão social de PCDs no país.

Participaram também da abertura, o ex-secretário nacional de Justiça, Cláudio Panoeiro, que é cego, e o Professor da Unifase e pesquisador do Nippis – Icict/Fiocruz e Coppex/Unifase, Miguel Marcelino.

Programação

Nos dois próximos dias, as transmissões se iniciam sempre às 9h, pelas redes sociais do @mdhbrasil. Confira:

14 de setembro

Censo e PNS. Releitura dos dados de Pessoas com Deficiência à luz das recomendações do grupo de Washington

9h30: João Roma (Ministro da Cidadania)

10h: Mariana Zílio (Chefe de Gabinete da Secretaria Nacional do Consumidor)

10h30: Juliana Queiroz (pesquisadora em Informações Geográficas e Estatísticas) e Maíra Bonna Lenzi (analista de pesquisa do IBGE)

11h: Cristina Rabelais (Pesquisadora em Saúde Pública e coordenadora do Núcleo de Informações, Políticas Públicas e Inclusão Social, vinculado à Fiocruz e à Unifase – Nippis/Fiocruz-Unifase)

 

15 de setembro

Índice Nacional de Inclusão Olga Kos da Pessoa com Deficiência

9h20: Elizabeth Guedes (presidente da Associação Nacional de Universidades Particulares)

10h20: Maria Yvelônia (Secretária Nacional de Assistência Social do Ministério da Cidadania) e André Veras (Diretor de Benefícios Assistenciais do Ministério da Cidadania)

10h50: Raphael Callou (Diretor do Escritório da Organização de Estados Ibero-americanos para a Educação, a Ciência e a Cultura)

11h: André de Godoy (Diretor de Administração da Finep)

11h20: Natália Monaco e Paulo Nakamura (pesquisadores do Instituto Olga Kos de Inclusão)

 

Para dúvidas e mais informações:

pessoacomdeficiencia@mdh.gov.br

Atendimento exclusivo à imprensa:

Assessoria de Comunicação Social do MMFDH

(61) 2027-3525

 

Reportar erro