Notícias

Emilly Coelho assume a Secretaria Nacional da Juventude

Publicado em 20/08/2020 12h48 Atualizado em 20/08/2020 12h55

A advogada Emilly Coelho é a nova titular da Secretaria Nacional da Juventude (SNJ) do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH). A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União nesta quinta-feira (20). 

Emilly tem 26 anos e já integrou o MMFDH como assessora da Secretaria Nacional de Proteção Global (SNPG). Atualmente, ela ocupava o cargo de assessora na Secretaria Especial do Desenvolvimento Social do Ministério da Cidadania.

“É com imensa satisfação e senso de responsabilidade que aceito essa missão que a Ministra Damares me incumbiu. Assumo a SNJ com grande humildade, sei que o desafio é enorme. Não posso deixar de mencionar o Secretário Especial do Desenvolvimento Social, Sérgio Queiroz, para agradecê-lo por ser exemplo de serviço e competência, cujo trabalho é grande inspiração para mim”, afirmou.

Ela disse que conta com o apoio de toda a equipe que compõe a SNJ para continuar o bom trabalho que vem sendo feito e desenvolver mais ações para conseguir impactar positivamente a vida do povo brasileiro.

“Dedicarei toda a energia que tenho para garantir que a confiança depositada em mim se traduza em uma vida melhor para aqueles que são futuro do nosso país: os jovens. [...] Vivemos um momento histórico muito desafiador e trabalharemos para transformar esses desafios em oportunidades. Juntos construiremos o futuro que merecemos!”, disse.

A nova titular da SNJ é formada em Direito pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e cursa MBA em Gestão Pública na Universidade Cruzeiro do Sul.

A SNJ tem a finalidade de promover pesquisas e diagnósticos sobre a juventude brasileira, além de elaborar, consolidar e executar as Políticas Nacionais de Juventude.

Desde janeiro de 2019 (Decreto nº 9.673), a SNJ integra o MMFDH e atua na articulação de todos os projetos e programas destinados, em âmbito federal, aos jovens brasileiros.

De acordo com o Estatuto da Juventude (Lei nº 12.852), considera-se jovem o indivíduo que tenha entre 15 e 29 anos de idade. No Brasil, atualmente, são mais de 51 milhões de jovens.

Emilly assume o comando da Pasta no lugar de Jayana Nicaretta. Ela estava à frente da secretaria em fevereiro de 2019. Agora, irá se dedicar a sua área de formação, engenharia de petróleo.

Para dúvidas e mais informações:
juventude@mdh.gov.br

Atendimento exclusivo à imprensa:
Assessoria de Comunicação Social do MMFDH
(61) 99558-9277

Reportar erro