Notícias

Sabe o que é surdocegueira? Confira na edição do Conversando sobre a Pessoa com Deficiência desta semana

Publicado em 15/09/2020 17h46 Atualizado em 15/09/2020 17h48
Sabe o que é surdocegueira? Confira na edição do Conversando sobre a Pessoa com Deficiência desta semana

A surdocegueira será o assunto do Conversando sobre a Pessoa com Deficiência desta quarta-feira (16). A live pode ser acompanhada, a partir de 15h30, pelas redes sociais do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH).

O convidado desta edição do projeto será o desenvolvedor web, Paulo Roberto Andrade, que é surdocego. Ele vai falar sobre o cotidiano, inclusão, o uso de guias intérpretes, educação, comunicação e os demais desafios enfrentados por quem tem esse tipo de deficiência.

Segundo o instituto Benjamin Constant, do Ministério da Educação, a surdocegueira é uma deficiência singular que apresenta perdas auditivas e visuais concomitantemente em diferentes graus. Isso leva a pessoa surdocega a desenvolver diferentes formas de comunicação para entender e interagir com a sociedade.

Ainda de acordo com o instituto, o indivíduo surdocego necessita de um atendimento educacional especializado diferente daquele destinado ao cego ou ao surdo, por se tratar de uma deficiência única, com características específicas, principalmente no que se refere à comunicação, à informação e à mobilidade.

O projeto

Desde maio, uma série de lives, idealizada pela Secretaria Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, discute todas as quartas-feiras um tema relacionado às pessoas com deficiência e doenças raras. Segundo a titular da SNDPD, Priscilla Gaspar, a programação surgiu durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) como forma de interação entre o Ministério e as pessoas com deficiência.

"Pensamos em organizar essas lives com o objetivo de ser um canal direto de conversa com as pessoas com deficiência também nesse período de isolamento social. Trazemos todas as semanas temas focados nas reivindicações e políticas públicas relacionadas às necessidades das pessoas com deficiência", explicou.

“Para o público sem deficiência é a oportunidade de conhecer um pouco mais desse universo, sempre em busca de um Brasil cada vez mais justo e inclusivo", completou a secretária.

A programação já contou com a participação de diversos convidados que trataram, entre outros temas, sobre a acessibilidade nas lives; pessoa com deficiência e maternidade; brincadeiras para crianças com deficiência no período da quarentena; pessoas com deficiência e o acesso à informação durante a pandemia do coronavírus e a importância das secretarias estaduais e municipais voltadas para as pessoas com deficiência.

Os participantes também já contribuíram com dicas sobre como melhorar nossa imunidade em tempos de pandemia; orientações para profissionais da saúde e sobre o coronavírus para pessoas com doenças raras; informações sobre o albinismo e o esporte como forma de inclusão para pessoas com deficiência.

Para dúvidas e mais informações:
pessoacomdeficiencia@mdh.gov.br

Atendimento exclusivo à imprensa:
Assessoria de Comunicação Social do MMFDH
(61) 99558-9277

Reportar erro