Notícias

Infraestrutura esportiva

Convênio do Governo Federal viabiliza construção de arena poliesportiva em Bauru (SP)

Estrutura moderna para sete mil espectadores será usada tanto para o alto rendimento quanto para categorias de base, ações sociais, atividades culturais e desporto escolar
Publicado em 05/01/2021 13h50 Atualizado em 12/01/2021 16h53
1 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
2 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
3 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
4 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
5 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
6 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
7 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
8 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
9 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
10 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
11 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
12 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
13 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
14 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
15 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
16 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
17 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
18 | 18
Projeção da Arena Bauru. Fonte: Prefeitura de Bauru
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.26.jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.25.jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.26 (1).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.26 (2).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.27 (1).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.27 (2).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.27 (3).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.27.jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.28 (1).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.28 (2).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.28.jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.29 (1).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.29 (2).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.29.jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.30 (1).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.30 (2).jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.30.jpeg
WhatsApp Image 2021-01-04 at 09.36.31.jpeg

Conhecido no cenário nacional pela qualidade de seus projetos de esportes indoor, como basquete, vôlei, handebol, futsal, tênis de mesa, badminton e lutas, o município de Bauru (SP) terá um novo ginásio para uso de múltipla função. A Arena Bauru será construída a partir de um convênio de R$ 14,3 milhões entre o Ministério da Cidadania e o município paulista, por meio da Secretaria Nacional de Esporte, Lazer e Inclusão Social (SNELIS) da Secretaria Especial do Esporte.

O ginásio será destinado tanto ao uso do público em geral como para projetos sociais com crianças e adolescentes em escolinhas de iniciação. Será palco de jogos escolares e universitários, aulas de dança e outras atividades culturais. A partir de parcerias com projetos sociais, serão fornecidas também aulas de modalidades esportivas indoor gratuitas à população”

Fabiola Molina, secretária nacional de Lazer e Inclusão Social da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania

O Extrato do Contrato de Repasse foi publicado no Diário Oficial da União em 24 de dezembro de 2020 e garantiu R$ 7,5 milhões referentes ao exercício de 2020. Outros R$ 6,8 milhões serão aportados nos anos subsequentes. A contrapartida do município é de R$ 150 mil. A vigência do contrato é até junho de 2024.

Com capacidade para sete mil espectadores, a Arena Bauru ficará na Avenida Nações Unidas Norte, no Parque Água do Castelo, com acesso duplicado, de fácil acesso. O terreno tem quase 120 mil metros quadrados. A obra prevê, além do ginásio, um estacionamento para cinco mil vagas, bicicletário e ciclovia para garantir deslocamento seguro aos ciclistas.

O projeto contempla todas as exigências legais de acessibilidade para pessoas com deficiência e inclui a construção de 12 reservatórios de água, tanto para consumo quanto para alimentar um sistema de reutilização de águas da chuva voltado para bacias sanitárias e lavagem das áreas externas, além da irrigação do paisagismo.

“O ginásio será destinado tanto ao uso do público em geral como para projetos sociais com crianças e adolescentes em escolinhas de iniciação, até as equipes de competição de Bauru e da região. Será palco de jogos escolares e universitários, aulas de dança e outras atividades culturais. A partir de parcerias com projetos sociais, serão fornecidas também aulas de modalidades esportivas indoor gratuitas à população”, disse a secretária da SNELIS, Fabíola Molina.

De acordo com o secretário de Esporte e Lazer do município até o fim de 2020, Alexandre Zwicker, a parceria atende a uma demanda antiga da região. “Em Bauru, temos times indoor de referência há mais de 20 anos, em especial no basquete e no vôlei. Atualmente as equipes mandam os jogos num ginásio antigo, dos anos 1950, o Panela de Pressão. É uma estrutura privada que tem apenas dois mil lugares e não pode ser usada em fases finais de torneios nacionais e internacionais”, disse.

A equipe masculina de Bauru no basquete é frequentadora habitual do pódio do Novo Basquete Brasil (NBB), foi campeã do torneio na temporada 2016/2017 e conquistou a Liga das Américas em 2015. No vôlei feminino, a equipe atualmente está entre as quatro melhores da Superliga Nacional e tem como destaques a levantadora Dani Lins, a oposta Polina e a central Mayhara.

Segundo Zwicker, o projeto fomenta não só o alto rendimento, mas também as categorias de base e a vocação da cidade para o desporto escolar e universitário, já que o município de cerca de 450 mil habitantes é sede de diversas faculdades particulares e de unidades de universidades públicas, como Unesp e USP.

“Com uma estrutura mais moderna e de maior capacidade, aumentarão a receita e a atratividade para patrocinadores. Nosso plano é que o time de basquete tenha todas as categorias de base. Além disso, há etapas de jogos universitários que reúnem aqui até 15 mil atletas. Não usamos o ginásio só para vôlei, basquete e futsal, mas temos tradição de outros esportes indoor, como lutas, tênis de mesa, handebol e badminton”, reforçou Zwicker. Segundo ele, os projetos arquitetônico, elétrico e hidráulico da arena estão prontos, o que facilita o início das obras.

Diretoria de Comunicação – Ministério da Cidadania