Notícias

Deporto escolar

Zico junta-se ao grupo estelar de embaixadores dos JEB’s 2021

Craque passa a fazer companhia a outros 13 astros do esporte nacional na divulgação dos Jogos Escolares Brasileiros, que serão disputados de 29 de outubro a 5 de novembro, no Rio de Janeiro
Publicado em 10/02/2021 16h06 Atualizado em 10/02/2021 18h02

 

Um dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos, Arthur Antunes Coimbra, o Zico, é o mais novo embaixador da edição 2021 dos Jogos Escolares Brasileiros – JEB’s. O eterno ídolo do Flamengo e da Seleção Brasileira junta-se a um time estelar de embaixadores que, agora, soma 14 esportistas. Também integram a lista Falcão (ídolo do futsal), Nenê Hilário (que por 17 anos atuou na NBA), Daniel Dias (multicampeão da natação paralímpica), Arthur Zanetti (campeão olímpico na ginástica artística), Maurren Maggi (única brasileira campeã olímpica no atletismo), Jacqueline Silva (campeã olímpica no vôlei de praia), Serginho e Giba (ambos campeões olímpicos no vôlei), André Domingos (medalhista olímpico no atletismo), Mayra Aguiar (bicampeã mundial no judô e duas vezes medalhista olímpica), Flávia Saraiva (destaque da seleção brasileira na ginástica artística), José Aldo (bicampeão do UFC) e Renzo Gracie (mestre em jiu-jitsu) integram a lista.

Estou muito feliz por poder ver que depois de alguns anos vamos ter os JEB’s, os Jogos Escolares Brasileiros. Eu fui secretário de esportes e sei bem da importância desses jogos para a garotada”

Zico, embaixador dos JEB's 2021

“Estou muito feliz por poder ver que depois de alguns anos vamos ter os JEB’s 2021, os Jogos Escolares Brasileiros”, disse Zico. “Eu fui secretário de esportes e sei bem da importância desses jogos para a garotada”, prosseguiu o craque.

“Ter o Zico em nosso time de embaixadores dos JEB’s é uma imensa honra”, afirmou o secretário Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, Marcelo Magalhães. “Estamos falando de um dos maiores ídolos do futebol brasileiro de todos os tempos e de uma pessoa totalmente comprometida com o esporte. Os Jogos Escolares Brasileiros ganham muita força o tendo como embaixador, o que só demonstra o tamanho do prestígio que os JEB’s adquiriram em sua retomada após um intervalo de 17 anos sem serem disputados”, completou.

A partir de agora, Zico participará das ações de divulgação dos JEB’s 2021. Entretanto, por questões contratuais, o craque não poderá estar presente fisicamente no período da competição, entre os dias 29 de outubro e 5 de novembro, no Rio de Janeiro. Zico é diretor técnico da equipe de futebol japonesa Kashima Antlers e estará no Japão na época.

“Por motivos contratuais, não vou poder estar presente, mas desejo a todos bons treinos, bons jogos e uma boa participação, com disciplina, amor por aquilo que estão fazendo, cada um em sua modalidade. Estou apoiando totalmente a volta dos Jogos Escolares Brasileiros”, declarou o ex-camisa 10 da Seleção Brasileira.

Com mais de 800 gols marcados pelo Flamengo, Udinese, Kashima Antlers e Seleção Brasileira – foram 89 partidas e 66 gols com a camisa do Brasil e 502 gols em 727 jogos pelo Flamengo –, Zico trilhou uma carreira vitoriosa nos gramados de todo o mundo.

Campeão brasileiro em 1980, 1982 e 1983, liderou o Flamengo na conquista da Copa Libertadores da América em 1981, ano em que o time carioca também chegou ao título de campeão mundial. Pela Seleção, disputou as Copas do Mundo de 1978, 1982 e 1986 e foi uma das estrelas da Seleção da Copa de 1982, na Espanha, um dos times mais memoráveis que o Brasil já teve em um Mundial e que encantou o planeta mesmo sem ter conquistado o troféu.

Os JEB’s

Os Jogos Escolares Brasileiros de 2021 vão reunir mais de 6,2 mil atletas das 27 unidades da Federação no Rio de Janeiro. A competição terá disputas 17 modalidades: atletismo, basquete, futsal, handebol, judô, vôlei, vôlei de praia, natação, tênis de mesa, xadrez, caratê, wrestling, ginástica artística, ginástica rítmica, badminton, ciclismo e taekwondo. Além disso, o evento contará com as seguintes modalidades demonstrativas: skate, escalada, dança, curling e polo aquático.

Do total de 17 modalidades oficiais, nove são seletivas para os Jogos Sul-Americanos Escolares, que serão disputados em Brasília, em dezembro deste ano: atletismo, basquete, futsal, handebol, judô, vôlei, natação, tênis de mesa e xadrez.

Destinada a atletas escolares nascidos em 2007, 2008 e 2009, os Jogos Escolares Brasileiros são organizados pela Confederação Brasileira de Desporto Escolar (CBDE), em parceria com a Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, e contam com o apoio da Federação de Esportes Estudantis do Rio de Janeiro (FEERJ).

Com o total de 18 edições entre 1976 a 2004, o JEB’s foi a principal plataforma de esporte educacional daquele período, tornando-se referência nacional. Agora, em sua retomada, a competição – único evento escolar com a presença de todos os estados da federação – tem como objetivo ser a base inicial de formação esportiva no Brasil, contribuindo para o desenvolvendo de crianças e jovens e fomentando o esporte escolar no país. Para 2021, são esperados mais de 6,2 mil estudantes no Rio de Janeiro.

Diretoria de Comunicação - Ministério da Cidadania