Notícias

MDR recebe inscrição de 48 projetos de revitalização de bacias hidrográficas

Iniciativas selecionadas serão divulgadas no portal do Ministério, visando fazer a conexão entre elas e organizações e empresas que desejem apoiá-las financeiramente
Publicado em 24/02/2021 18h32 Atualizado em 24/02/2021 18h33
Águas Brasileiras

Brasília (DF) – O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) recebeu 48 inscrições de projetos de revitalização de bacias hidrográficas no País, por meio de edital lançado pelo Programa Águas Brasileiras. As propostas, apresentadas pela iniciativa privada, contemplam ações em 12 estados e aproximadamente 300 municípios e visam o uso sustentável dos recursos naturais e a melhoria da disponibilidade de água em quantidade e qualidade para os usos múltiplos.

Foram 25 iniciativas propostas para a Bacia do São Francisco, duas para a do Parnaíba, três para a do Taquari, 15 para a do Araguaia-Tocantins e mais três em outras bacias. O resultado final da análise e seleção está previsto para 9 de março. Os projetos selecionados serão divulgados no portal do MDR, visando fazer a conexão entre eles e organizações e empresas que desejem apoiá-los financeiramente.

As ações propostas contemplam os seguintes eixos temáticos: manejo florestal sustentável; proteção e recuperação de áreas de preservação permanente, prioritariamente de nascentes, e de áreas de recarga de aquíferos; implantação de sistemas agroflorestais; contenção de processos erosivos; soluções sustentáveis de saneamento no meio rural e reuso de água no meio urbano; técnicas de engenharia natural para infiltração da água com comprovados benefícios ambientais; ações que levem à redução da criticidade hídrica; e economia circular da água.

Articulação

Para tentar atrair o interesse de investidores para os projetos selecionados, o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, participa, nesta semana, de reuniões com empresários e entidades de classe em três cidades do País. Na última segunda-feira (22), os encontros foram na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), com a participação de empresários do ramo de papel e celulose, e na Federação Brasileira de Bancos (Febraban), com representantes de diversas instituições do setor. Nesta quinta-feira (25), os encontros serão em Belo Horizonte e, na sexta (26), no Rio de Janeiro.

“O apoio à revitalização de bacias hidrográficas é parte da estratégia de sustentabilidade de muitas empresas que atuam no País, que associam o patrocínio a ações desse tipo à sua atividade econômica e ao ganho de imagem junto à sociedade”, apontou Marinho.

Sobre o Águas Brasileiras

Lançado em dezembro de 2020, o Programa Águas Brasileiras visa garantir água de qualidade para a população e atrair investimentos privados para projetos de recuperação e preservação de áreas degradadas em diversas parte do País. Saiba mais nesta página.