Estratégia do Mercado Externo

O Tesouro Nacional permanece com sua política de aumento da eficiência da curva de juros externa, por meio de emissões qualitativas e resgate antecipado de títulos que não são pontos de referência. A estratégia para a DPFe apresenta as seguintes diretrizes: 

  • Criação e aperfeiçoamento de pontos de referência (benchmarks) na estrutura a termo de taxa de juros;
  • Manutenção do programa de resgate antecipado de títulos (buyback);
  • Possibilidade de realização de operações de gerenciamento do passivo externo, com o objetivo de aumentar a eficiência da curva de juros externa;
  • Monitoramento da Dívida Contratual Externa, em busca de alternativas de operações que apresentem ganhos financeiros para o Tesouro Nacional; e
  • Aprimoramento e diversificação da base de investidores.

 

Cabe destacar que a administração da DPFe é amparada pela Resolução nº 20/2004 do Senado Federal, que autoriza operações de resgate antecipado, de permuta de títulos e utilização de derivativos para o gerenciamento da DPFe. As atuações mencionadas estarão sujeitas a condições propícias de mercado.

 

Saiba mais

Plano Anual de Financiamento