Super Sapiens

Publicado em 19/07/2021 10h13 Atualizado em 01/09/2021 11h05

O Sapiens, o Sistema de Inteligência Jurídica da AGU, chega a uma nova etapa, com o lançamento do Super Sapiens, que traz avanços significativos no processo de triagem, distribuição e produção de documentos jurídicos. São mais de 100 mil usuários internos e externos que passam a contar com ferramentas de última geração para produzir mais e melhor.

Avanços

Um dos principais avanços do Super Sapiens é sua nova e moderna interface, que facilita o controle de demandas, a pesquisa e a obtenção das informações. Criada de acordo com os conceitos de Material Design do Google, essa  interface foi construída com base na experiência do usuário, é intuitiva e focada na simplicidade.

A lógica é muito parecida com os leitores de e-mail, mas em vez de receber e-mails, o usuário recebe tarefas. A partir daí, é possível agrupá-las e fazer as movimentações em bloco, de acordo com a semelhança das demandas. Também é possível criar pastas, arrastar, soltar e filtrar os processos.

Além da nova interface focada na simplicidade, o Super Sapiens possui total suporte para utilização em smartphones, tablets, notebooks e desktops com duas telas, e é compatível com todos os sistemas operacionais, inclusive iOS e Android.

Praticidade

O Super Sapiens também oferece mais praticidade ao permitir que a assinatura dos documentos seja feita por simples registro de usuário e senha. Com isso, é possível receber as tarefas, lançar atividades e, em alguns casos, fazer o peticionamento eletrônico junto ao Poder Judiciário sem a necessidade do uso do token. O certificado em nuvem possibilita, ainda, que a assinatura digital seja feita utilizando o próprio smartphone, inclusive através de biometria.  

A velocidade é outro diferencial do Super Sapiens. Ele é 70% mais rápido do que a versão anterior. Suas listas de carregamento infinito permitem um fluxo contínuo de operações, sem muitas telas ou idas e vindas para executar as tarefas, simplificando o trabalho dos usuários.

O Super Sapiens reúne diferentes soluções de inteligência artificial, trazendo novos algoritmos de compreensão da linguagem que vão melhorar a qualidade das sugestões feitas pelo sistema. Um exemplo é a geração automática de subsídios para a defesa judicial. Além disso, por meio de etiquetas inteligentes, o Super Sapiens permite que os usuários cadastrem regras para que o sistema etiquete automaticamente suas tarefas e defina as ações para automatizar o trabalho, contribuindo para o aperfeiçoamento do processo de triagem.

Integração

Focado na integração com os sistemas informatizados do Poder Judiciário e do Poder Executivo, o Super Sapiens é fruto de uma construção coletiva que conta com o envolvimento de colaboradores dos mais diferentes órgãos da AGU. A evolução do sistema levou em conta também inúmeras demandas recebidas dos próprios usuários.

A implantação do Super Sapiens está, ainda, alinhada aos objetivos estratégicos do novo ciclo do Planejamento Estratégico da AGU, que envolvem o desenvolvimento de competências com foco no desempenho institucional, o fomento à transformação digital e o fortalecimento da Governança e da Inovação.

Clique aqui para acessar o Super Sapiens e aqui para obter mais informações sobre a plataforma e sua implantação na AGU.