Notícias

Imunização

Previstas mais 4,7 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 para o Brasil, até março

Nova remessa será destinada à ampliação do grupo prioritário
Publicado em 22/02/2021 14h34
Vacina até março

Serão disponibilizadas mais 4,7 milhões de doses para estados e municípios - Foto: Tony Winston/MS

O Ministério da Saúde informou nessa sexta-feira (19), que o Brasil terá à disposição mais 4,7 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19, até o começo de março. A remessa contará com 2,7 milhões de doses da vacina do Instituto Butantan, produzidas no Brasil, e dois milhões da vacina da AstraZeneca/Oxford, importadas da Índia pela pasta.

De acordo com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, todas as vacinas dessa nova entrega serão destinadas apenas para a aplicação da primeira dose, para acelerar o processo de vacinação no Brasil. “Neste novo momento da campanha, a vacina do Butantan será aplicada em dose única, com o objetivo de ampliar a vacinação e atender ainda mais brasileiros”, disse.

Além dessas doses, a pasta receberá ainda em março mais 21 milhões de vacinas do Instituto, que deve garantir a segunda rodada de imunização. Já o imunizante da AstraZeneca possui um tempo maior de aplicação da segunda dose, com prazo de até três meses. O laboratório deve disponibilizar no próximo mês mais 18 milhões de doses produzidas na Fiocruz e importadas.

Vacinas

Ainda na última semana, o Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde, assegurou mais 54 milhões de doses da vacina contra a Covid-19. Junto com outras 46 milhões de doses já garantidas, 100 milhões de doses serão distribuídas aos estados até setembro. 

Com informações do Ministério da Saúde