Notícias

Vacina

Produção nacional de vacinas Covid-19 chega a 900 mil doses por dia

A Fiocruz prevê a entrega de 18,4 milhões de doses até 2 de maio
Publicado em 07/04/2021 14h05 Atualizado em 07/04/2021 14h47
Vacina Fiocruz

Neste momento, a produção semanal já alcança entre 5 e 6 milhões de doses. - Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

O Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos) da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) anunciou nesta semana que já está produzindo, em duas linhas de produção, 900 mil doses por dia de vacina Covid-19. A previsão é que 18,4 milhões de doses da vacina Covid-19 (recombinante) sejam entregues até 2 de maio. Neste momento, a produção semanal já alcança entre cinco e seis milhões de doses.

Com as 8,1 milhões de doses já entregues até o dia 2 de abril ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde (quatro milhões de doses importadas da Índia e mais  quatro milhões produzidas internamente), a instituição alcançará a marca de 26,5 milhões de vacinas no início de maio.

Todas as entregas ao PNI, no entanto, são feitas após processo de controle de qualidade. Foram produzidas 11 milhões de doses que estão, no momento, nesta etapa da produção, um procedimento que dura cerca de 20 dias (de acordo com a leva produtiva) e que é necessário para garantir a oferta à população de um produto seguro e eficaz.

 A produção de vacinas em Bio-Manguinhos/Fiocruz segue rígidos protocolos de controle de qualidade estabelecidos internacionalmente, o que pode acarretar na redução ou no aumento nas previsões de entregas no cronograma semanal que a Fundação tem divulgado à sociedade.

Confira as principais ações do Governo Federal  de combate à Covid-19

Com informações da Fiocruz