Notícias

REDEVÍRUS MCTI

Variantes do Novo coronavírus em circulação na cidade de São José dos Campos, SP, alerta a Rede CoronaÔmica.br MCTI

Publicado em 21/02/2021 10h39
INFORME-04-MCTI-BR.jpg

No intuito de contribuir com a vigilância epidemiológica molecular dos genomas de SARS-CoV-2 circulantes no Brasil, a RedeVírus MCTI comunica que a Rede Corona-ÔmicaBR-MCTI, através do Laboratório Apoio ao Diagnóstico do Instituto de Biociências da UNESP (Botucatu, SP), integrante da Rede Corona-ômica.BR MCTI, finalizou a análise de 21 genomas completos de amostras positivas para o SARS-CoV-2 em circulação na cidade de São José dos Campos, SP.

Dessas 21 amostras, 15 foram de amostras coletadas de julho a setembro de 2020 e foram classificadas como a variante B.1.1.28 e 6 amostras foram coletadas de 16 a 24 de Janeiro de 2021 e duas dessas foram classificadas como a linhagem P1 (Manaus ou Brasileira), 2 como a linhagem P2 (concordante com a nova linhagem descrita recentemente no Rio de Janeiro pelos grupos do LNCC/MCTI e da Universidade Federal do Rio de Janeiro e contém a mutação E484K na proteína S) e duas como a linhagem B.1.1.143.             

A linhagem P1 do SARS-CoV-2 encontrada em 2 de 6 amostras recentes analisadas levanta a hipótese de alta circulação desse vírus na cidade de São José dos Campos/SP ressaltando a importância dessa rede de sequenciamento e análises genéticas colaborativas para a realização de vigilância genômica.

Com o objetivo de colaborar com a comunidade científica no enfrentamento da COVID-19, os genomas sequenciados foram depositados em base internacional (GISAID).

Por fim, recomendamos, que as providências cabíveis sejam tomadas pelos órgãos estaduais e federais competentes.


Rede Corona-Ômica.BR-MCTI

Ciência e Tecnologia