Notícias

MCTI/Concea abre vagas para membros das Sociedades Protetoras dos Animais

Os candidatos indicados deverão ser cidadãos brasileiros, com doutorado nas áreas de Ciências Agrárias e Biológicas, Saúde Humana e Animal, Biotecnologia, Bioquímica ou Ética, prazo para candidatura termina no final deste ano
Publicado em 20/11/2020 18h09 Atualizado em 20/11/2020 18h10
research-staff-are-injecting-the-mouse-into-animals-experimental-animals.jpg

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações publicou no Diário Oficial da União dessa quinta-feira (19), edital de chamamento público nº 148/2020/SEI-MCTI para indicação de representantes das Sociedades Protetoras dos Animais no Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (Concea/MCTI).

O ministro Marcos Pontes, no uso de suas atribuições legais, considerando o disposto no art. 11 do decreto nº 6.899/2009, possui a responsabilidade de escolher os representantes das Sociedades Protetoras de Animais, legalmente constituídas no país, para compor o quadro de membros do Concea, a partir de lista tríplice elaborada por comissão integrada por três membros externos ao Conselho.

Os candidatos indicados deverão ser cidadãos brasileiros, com doutorado ou equivalente, nas áreas de Ciências Agrárias e Biológicas, Saúde Humana e Animal, Biotecnologia, Bioquímica ou Ética, de notória atuação e saber científicos e com destacada atividade profissional nestas áreas.

As indicações deverão ser feitas por qualquer entidade integrante das Sociedades Protetoras de Animais do país, no prazo de 45 (quarenta e cinco) dias corridos, contados a partir da data de publicação deste edital no Diário Oficial da União.

Para mais informações acesse o edital aqui.