Notícias

Ministro Anderson Torres reafirma compromisso de combater o crime organizado, em cerimônia de posse no Planalto

“Combateremos fortemente o crime organizado e faremos tudo que estiver ao nosso alcance para trazer mais paz, equilíbrio e serenidade à nossa Pátria Amada, Brasil”, disse em discurso
Publicado em 06/04/2021 13h11
Ministro.jpg

Brasília 06/04/2021 - O ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, participou da solenidade de transmissão de cargos de Ministros de Estado, nesta terça-feira (6), no Palácio do Planalto.

O ministro agradeceu ao presidente Jair Bolsonaro o convite para fazer parte da equipe ministerial “em um momento tão especial para o nosso Brasil” e ressaltou que “Justiça e Segurança Pública são a espinha dorsal da paz e da tranquilidade da Nação, principalmente quando se passa por uma crise sanitária mundial”.

Em seu discurso, Anderson Torres – que é delegado de Polícia Federal – reafirmou o compromisso do Ministério da Justiça e Segurança Pública em trabalhar para dar tranquilidade aos brasileiros.

"Promoveremos políticas públicas efetivas, combateremos fortemente o crime organizado e faremos tudo que estiver ao nosso alcance para trazer mais paz, equilíbrio e serenidade à nossa Pátria Amada, Brasil!", ressaltou o ministro.

posse.jpg

Perfil

Anderson Gustavo Torres é delegado de Polícia Federal. Natural de Brasília (DF), tem 44 anos e vasta experiência em ciência policial, investigação criminal e inteligência estratégica. Nos últimos dois anos, esteve à frente da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal, onde foi responsável pelos menores índices de homicídios da capital federal dos últimos 41 anos. Formado em Direito, Torres coordenou as principais investigações voltadas ao combate ao crime organizado na Superintendência da Polícia Federal, em Roraima, entre 2003 e 2005.

Saiba mais clicando aqui.

Justiça e Segurança