Notícias

Ministério da Justiça e Segurança Pública abre vagas de curso sobre educação financeira para pessoas refugiadas, migrantes e apátridas

Capacitação on-line será realizada nos dias 26 e 28 de outubro. Interessados podem se inscrever até a próxima quarta-feira (20)
Publicado em 13/10/2021 17h39
Ministério da Justiça e Segurança Pública abre vagas de curso sobre educação financeira para pessoas refugiadas, migrantes e apátridas.jpeg

Brasília, 13/10/2021 — O Ministério da Justiça e Segurança Pública vai capacitar refugiados, solicitantes de refúgio, migrantes e apátridas por meio do curso de Educação Financeira organizado pela Coordenação-Geral do Comitê Nacional para os Refugiados (Conare).

As aulas serão realizadas de forma on-line — pela plataforma Teams, nos dias 26 e 28 de outubro, de 10 às 12h (horário de Brasília). Para garantir participação, os interessados devem efetuar a sua inscrição até o dia 20 de outubro.

Clique aqui para realizar a inscrição.

Durante as aulas, serão abordados temas como os sistemas financeiro e bancário brasileiro, abertura de contas, modalidades de contas disponíveis, câmbio, tipos de operação de crédito, envio e recebimento de remessas do exterior, Pix e alerta de golpes.

A ação contribui com o desenvolvimento da autonomia de nacionais de outros países, que buscam estabelecer suas vidas no Brasil e necessitam compreender o funcionamento do sistema financeiro brasileiro e como lidar com ele, já que muitas vezes pode divergir das formas utilizadas em seus países de origem.

Histórico

Esta é a 4ª edição do curso e, desde março deste ano, já foram capacitadas cerca de 100 pessoas. A 1ª edição contou com a participação de 35 mulheres, no Paraná, que obtiveram formação básica em Gestão de Finanças Pessoais, aprenderam sobre organização orçamentária e planejamento, e receberam conceitos básicos sobre juros, empréstimos, investimentos, abertura de contas e de como sair do endividamento.

Justiça e Segurança