Notícias

Ministério da Justiça ajudará a financiar projetos educacionais e de pesquisa em Segurança Pública

Serão investidos cerca de R$ 9,2 milhões em bolsas do Programa de Cooperação Acadêmica em Segurança e Ciências Forenses (PROCAD)
Publicado em 01/09/2020 18h01 Atualizado em 14/09/2020 10h02
Ministério da Justiça ajudará a financiar projetos educacionais e de pesquisa em Segurança Pública.jpeg

Brasília 1º/09/2020 - O Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública e da Polícia Federal, e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) irão investir cerca de R$ 9,2 milhões em projetos de cooperação acadêmica que para a ampliação, desenvolvimento e fortalecimento da produção científica em questões relacionadas à segurança pública. 

O edital foi lançado nesta terça-feira, dentro do Programa de Cooperação Acadêmica em Segurança e Ciências Forenses (PROCAD), que prevê o financiamento de até 23 projetos de pesquisa em segurança pública, além de 92 bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado na área. As despesas de custeio, capital e bolsas de estudo aprovadas nos projetos correrão por conta dos orçamentos da Capes, da Senasp e da PF, respeitada a disponibilidade orçamentária e financeira desses órgãos.

O interessados deverão submeter suas propostas até as 17h do dia 1º de outubro, por meio do Sistema de Inscrição da Capes (Sicapes). O processo seletivo será por meio de edital.

Clique aqui, para ler a íntegra do edital.

PROCAD - O Programa de Cooperação Acadêmica em Segurança Pública e Ciências Forenses (PROCAD) é uma ação do governo brasileiro, criada mediante demanda apresentada pelo Ministério da Justiça e da Segurança Pública (MJSP), por intermédio da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e da Polícia Federal (PF), à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). O projeto tem como objetivo fomentar a cooperação acadêmico-científica entre Instituições de Ensino Superior e órgãos de segurança pública para apoiar projetos voltados para a formação de recursos humanos qualificados, pesquisa científica e desenvolvimento tecnológico nas áreas de Segurança Pública e Ciências Forenses.

Justiça e Segurança