Notícias

AVISO DE PAUTA: Ministério da Justiça e Segurança Pública deflagra Operação Luz na Infância 8

176 mandados de busca e apreensão são cumpridos pelas Polícias Civis de 18 estados e agências de aplicação da lei de cinco países
Publicado em 09/06/2021 07h00
AVISO DE PAUTA Ministério da Justiça e Segurança Pública deflagra Operação Luz na Infância 8.png

Brasília, 09/06/2021 – O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), deflagrou, nesta quarta-feira (9), a Operação ‘Luz na Infância 8’ com o objetivo de identificar autores de crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados na internet.

São cumpridos 176 mandados de busca e apreensão no Brasil e em mais cinco países: Argentina, Estados Unidos, Paraguai, Panamá e Equador. A ação conta com a participação da Polícia Civil de 18 estados (SP, RJ, PA, ES, RO, MT, PR, CE, GO, MS, SC, RN, AL, PI, BA, MA, RS e AM), além de agentes de aplicação da lei dos países envolvidos.

Os primeiros resultados serão apresentados em coletiva de imprensa, às 9h30, com a participação do ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres; o secretário de Operações Integradas (Seopi), Alfredo Carrijo; o coordenador-geral de Combate ao Crime Organizado da Seopi, Carlos Bock; e o coordenador do Laboratório de Operações Cibernéticas da Seopi, Alesandro Barreto.

Jornalistas interessados em captar imagens no Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN) deverão se identificar no local, mediante apresentação de documento. A liberação para captação acontece das 7h30 às 8h30. Após o horário, não será permitida a permanência no interior do Centro.


SERVIÇO

Captação de imagens

Data: quarta-feira (9)

Hora: 7h30 às 8h30

Local: Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), Setor Policial Sul, Área 05, Edifício sede da Polícia Rodoviária Federal – entrada pelo Setor Policial Sul.

 

Coletiva de Imprensa – Operação Luz na Infância 8

Data: quarta-feira (9)

Hora: 09h30

Local: Sala T10, térreo, Palácio da Justiça, Ministério da Justiça e Segurança Pública.