Notícias

Interiorização do desenvolvimento é tema de encontro

O assunto foi tratado entre o superintendente da Sudene e o prefeito de Campinha Grande.
Publicado em 15/09/2020 18h06 Atualizado em 16/09/2020 08h06
Superintendente Evaldo Cruz Neto em agenda na cidade de Campina Grande (PB)

Agenda do superintendente em Campina Grande buscou traçar estratégias para novos investimentos e geração de empregos na cidade paraibana. Foto: divulgação.

Romero Rodrigues, chefe do Executivo de Campina Grande (PB), recebeu o superintendente da Sudene, Evaldo Cruz Neto, na última segunda-feira (14), em um encontro que teve como pauta a atração de novos investimentos e geração de empregos. A reunião contou, ainda, com a participação de um grupo de investidores, além de lideranças políticas e empresariais. No final do encontro, o grupo visitou o Complexo Aluízio Campos, onde fica localizada uma área destinada a um novo distrito industrial.

A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste conta com uma série de instrumentos de ação para atração de investimentos, entre eles os fundos regionais – o de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE) e o Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). Os investidores também poderão contar com os incentivos e benefícios fiscais administrados pela Autarquia.

O Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), elaborado pela Sudene e em tramitação no Congresso Nacional, também é um importante aliado nas ações de interiorização do desenvolvimento. O Plano busca promover a competitividade regional para gerar emprego e renda nas próprias localidades – especialmente aquelas que apresentem declínio populacional e elevadas taxas de emigração – e fortalecer uma rede de cidades policêntricas, buscando a desconcentração e interiorização dos recursos. Dessa maneira, espera-se criar oportunidades em centros urbanos de médio porte que possam apoiar o desenvolvimento de municípios menores em seu entorno.

Evaldo Cruz Neto destaca que “a Sudene cumpre seu papel estratégico, juntando atores e viabilizando os investimentos necessários através dos Fundos, interiorizando e levando desenvolvimento com ampla possibilidade de gerar novos empregos, cumprindo os ditames do PRDNE”.

Empresa, Indústria e Comércio