Notícias

Planejamento

Sudene contrata serviço especializado para elaboração de carteira de projetos para Feira de Santana (BA)

Foi iniciado o processo de licitação para recebimento de propostas, que devem ser enviadas até às 15h (fuso horário de Nova York) do dia 1º de dezembro deste ano.
Publicado em 23/11/2021 10h53
Feira de Santana

Feira de Santana é uma das cidades polo de região intermediária do G51, sendo assim uma prioridade na implementação da estratégia territorial do PRDNE. Foto: Andrevruas (Wikimedia).

Os interessados em submeter propostas devem acessar este link. A carteira de projetos – com horizonte de implantação até 2030 – faz parte da elaboração do Projeto “Construindo Feira de Santana 2030”, ação que conta com a parceria entre Sudene e PNUD, viabilizada através de um Projeto de Cooperação Técnica (PRODOC). A ideia é construir uma carteira de projetos estruturadores que contribua para a implementação da Agenda 2030 e que esteja alinhada aos desafios do Plano regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE).

A avaliação da proposta – que levará em consideração os critérios de avaliação técnica e preço e que será julgada por um comitê de avaliação – será composta por 03 etapas, que incluem exame preliminar/habilitação; avaliação da proposta técnica; além da avaliação da proposta financeira e classificação final. Será considerada qualificada tecnicamente aquela que atingir o mínimo de 70 do total de 100 pontos. A proposta não classificada na qualificação técnica não terá a proposta financeira avaliada e a proposta que não apresentar as qualificações mínimas exigidas será automaticamente eliminada. Será selecionada a proposta que obtiver o maior valor no resultado final.

Segundo a Coordenação-Geral de Cooperação e Articulação de Políticas (CGCP) da Sudene, responsável por este projeto, a Carteira de Projetos Construindo Feira de Santana 2030 será um instrumento de planejamento que selecionará projetos estruturadores de forma a contribuir para o desenvolvimento da região e que possuirá todas as informações suficientes para captar os recursos necessários para dar início a sua implementação. “Somado a isso, ela apresenta uma resposta pragmática e de maior aderência às questões que foram identificadas nos documentos produzidos nas fases iniciais do Plano de Desenvolvimento Econômico Sustentável de Feira de Santana, em especial o diagnóstico e as oficinas que resultaram nas agendas estratégicas”.

A CGCP explica que “Feira de Santana é uma das cidades polo de região intermediária do G51, sendo assim uma prioridade na implementação da estratégia territorial do PRDNE”, e acrescenta que esta ação atende às “demandas do Governo Federal no que se refere à inovação e recuperação econômica, além de ser uma resposta aos impactos da pandemia, que aumentou a urgência de execução de projetos”.

 

Saiba mais

É necessário confirmar o interesse no Edital e a intenção em submeter a proposta utilizando a funcionalidade “Accept Invitation” pelo Sistema Corporativo eTendering em https://etendering.partneragencies.org  e procurando pelo Event ID 10843.

Informações gerais sobre o Sistema eTendering podem ser obtidas pelo link: https://www.undp.org/procurement/business/resources-for-bidders.

O Guia de Licitantes do eTendering (acesse o documento) é um manual para pessoas e empresas que desejam participar de algum processo licitatório do PNUD na condição de fornecedor encaminhando uma proposta. O guia contém informações detalhadas sobre:

• Criação do perfil e registro como licitante no Sistema eTendering;

• Pesquisa de Editais e download de documentos de licitações com ou sem uma conta de usuário previamente registrada;

• Como participar de uma Licitação;

• Como proceder quando você já tem uma conta cadastrada no eTendering, mas esqueceu a sua senha;

• Como proceder em caso de dificuldade técnica em acessar, efetuar o registro ou submeter uma proposta.

Finanças, Impostos e Gestão Pública