Método: Etnográfico

Elaboração da tabela de atividades
Publicado em 20/10/2021 09h05 Atualizado em 20/10/2021 09h24

Nesse método, a organização é dividida em áreas, não necessariamente coincidentes com o organograma. São áreas temáticas que contemplem todo o espectro de atuação da instituição. 

A partir disso, são escolhidas pessoas representativas ou grupos representativos dessas áreas para serem entrevistados, de modo que as pessoas respondam a questões como essas: 

  • Descreva livremente o passo mais relevante que você dá para entregar o trabalho X;
  • Quais obstáculos que você encontra para entregar utilizando esse passo?;
  • Existem passos alternativos?;
  • Quais trabalhos você considera que o seu chefe avaliaria, se for o caso?; e
  • Classifique, em termos de duração, do maior para o menor, a rapidez de entrega do  trabalho X?.

Como se vê, são perguntas indiretas, sem explicitar os conceitos da tabela. Deve-se evitar a explicitação e a pergunta direta, para que apareça material empírico para dedução das atividades e a entrevista não distorça todas as possibilidades. 

A partir daí, o procedimento de análise é similar ao método de busca de arquivos, ou seja, é preciso tratar o material, tabular e inferir as atividades para construção da tabela.

Note que o material pode ser menos abundante do que o de busca de arquivos, razão pela qual é imperioso haver pessoas que tenham conhecimento integral da organização, pelo que esse método é mais recomendável para organizações menores e de natureza autárquica. 

Voltar