Notícias

ENSINO

HC-UFPE/Ebserh inaugura requalificação dos anfiteatros e de outros espaços de ensino da unidade

Entre as melhorias, estão a recuperação de todo o piso, pintura das paredes, tetos e forros; troca de toda a instalação elétrica com automatização do sistema; troca de todo o sistema de climatização. Serviços custaram R$ 457.662,60
Publicado em 07/06/2021 11h53 Atualizado em 07/06/2021 17h22
anfiteatro 3 4 hc ufpe.jpg

Entre as melhorias, foram realizadas a recuperação de todo o piso, teto e forros. (Crédito da imagem: Moisés de Holanda)

O Hospital das Clínicas da UFPE reabriu, na manhã desta segunda segunda-feira (7), o seu Complexo Educacional requalificado e modernizado, localizado no térreo da unidade, com destaques para as melhorias nos Anfiteatros 2, 3 e 4 (cada um deles com capacidade para cerca de 80 pessoas), banheiros, sala de apoio pedagógico, sala de estudo, sala de apoio administrativo e sala de convivência. O HC-UFPE é unidade vinculada à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh).

O Complexo Educacional passou por serviços de adequações que duraram quase 90 dias e custaram R$ 457.662,60, sendo R$ 320.527,97 destinados pela Ebserh e R$ 137.134,63 de fonte própria e de recursos do Rehuf (Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais). “Esse é um sonho nosso que saiu do papel e que tem um grande simbolismo porque foi aqui (no Complexo Educacional) onde aprendemos na nossa graduação e agora deixamos esse legado às novas gerações de alunos”, explica o superintendente do HC-UFPE/Ebserh, Luiz Alberto Mattos.

Entre as melhorias, foram realizadas a recuperação de todo o piso, pintura das paredes, tetos e forros; troca de toda a instalação elétrica com automatização do sistema; troca de todo o sistema de climatização, adequação dos banheiros com cabine PNE (Portadores de Necessidades Especiais), requalificação do acesso externo (pelo estacionamento), substituição de luminárias, renovação do sistema educacional multimídia (projetores, sistema de som, telas e quadros) e novas carteiras.

“É muito importante a requalificação de nossos espaços de trabalho e de ensino, como esse aqui do HC. Isso só reforça o nosso compromisso de servir à sociedade da melhor forma possível. A integração do nosso hospital-escola com a sociedade e com a UFPE é um compromisso que tem sido cumprido”, salienta o reitor da UFPE, Alfredo Gomes.

Os Anfiteatros 2, 3 e 4 recebem, a partir de agora, os nomes de Enfermeira Maria Ferreira da Silva, Professor Aureliano Quintino dos Santos e Dra. Gildenia Bezerra Coutinho, respectivamente, em homenagem a pessoas que contribuíram com o hospital-escola ao longo de sua história e que tiveram seus nomes escolhidos pela comunidade hospitalar.

Modernizados, esses locais se juntam ao padrão do Anfiteatro 1 (Professor José Remígio Neto), reformado há um ano e oito meses, e que agora recebeu novos equipamentos de ar condicionado e do sistema multimídia. O local tem capacidade para cerca de 120 pessoas. Toda a estrutura do Complexo Educacional é utilizada para aulas e eventos e estão sob gestão da Gerência de Ensino e Pesquisa (GEP) do HC-UFPE.

“As melhorias estão dentro da nossa proposta de requalificar os nossos espaços de ensino. Nossa preocupação é não só com o ensino e a aprendizagem, mas também com um ambiente que seja agradável e confortável para os nossos alunos”, explica a gerente de Ensino e Pesquisa do HC, Claudia Marques.

(Texto: Unidade de Comunicação Social HC-UFPE/Ebserh)