Notícias

Inovação

Primeira cirurgia gravada em 360º no Brasil é realizada em hospital baiano da Rede Ebserh

A operação urinária foi gravada durante congresso e acompanhada por médicos brasileiros e estrangeiros.
Publicado em 20/11/2020 16h27
A técnica possibilita que profissionais da saúde acompanhem os procedimentos de vários ângulos, mesmo por vídeo

A técnica possibilita que profissionais da saúde acompanhem os procedimentos de vários ângulos, mesmo por vídeo

Salvador (BA) – O Hospital Universitário Professor Edgard Santos (Hupes/UFBA), ligado à Empresa Brasileira de Recursos Hospitalares (Ebserh), foi destaque no Congresso Paulista de Urologia. Durante o evento, o médico e coordenador da Endourologia e Litíase Urinária do Hupes, Fábio Sepúlveda, apresentou a primeira cirurgia gravada em 360º no Brasil. Com a pandemia de Covid-19 e a restrição no número de pessoas no centro clínico, a técnica possibilita que os profissionais da saúde continuem acompanhando procedimentos de vários ângulos, mesmo por vídeo.

A experiência traz a liberdade de olhar dos espectadores, permitindo a atenção a qualquer detalhe durante a cirurgia sem que fiquem presos ao olhar do especialista responsável. Sepúlveda explica que foram 14 meses para desenvolver e aprimorar a ferramenta VR (Residente Virtual), em parceria com uma empresa privada da Bahia.

"Já havia restrições para que apenas um número pequeno de médicos pudesse acompanhar cirurgias presencialmente. A pandemia de Covid-19 limitou ainda mais essa restrição e acrescentou uma grande dificuldade de mobilidade. Esperamos que essa tecnologia possa democratizar ainda mais o acesso a conteúdo médico sobre técnica cirúrgica. Haverá nosso empenho em aprimorar essa ferramenta para tornar essa experiência em 360 graus ainda mais real”, declarou o cirurgião.

A repercussão nacional e internacional da prática foi positiva. Alguns médicos brasileiros manifestaram sua crença no potencial disruptivo da tecnologia, enquanto profissionais estrangeiros ficaram surpresos pela riqueza de detalhes e pelo ambiente imersivo criado pela técnica.

Sobre a Rede Ebserh 

Desde dezembro de 2013, o Hupes-UFBA faz parte da Rede Ebserh. Vinculada ao Ministério da Educação (MEC), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência. 

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, a os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país. 

Com informações do Hupes-UFBA/Ebserh

Saúde e Vigilância Sanitária