Obter Carteira de Registro Nacional Migratório (CRNM)
Solicitar
Última Modificação: 31/07/2019
  • O que é?

    A CRNM é o documento de identificação fornecido pelo Departamento de Polícia Federal aos estrangeiros residentes no Brasil.

  • Quem pode utilizar este serviço?

    Estrangeiros

    Estrangeiros com residência permanente ou temporária, asilados ou refugiados no Brasil e que estejam devidamente cadastrados junto ao DPF.

  • Etapas para a realização deste serviço
    1. Preencher o formulário de solicitação

      Você deve entrar no site do Departamento de Polícia Federal e preencher o formulário de requisição.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • RNE;

      • Dados pessoais;

      • Dados de residência no Brasil;

      • Cadastro de Pessoa Física - CPF.

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
    2. Gerar a GRU e pagar a taxa de emissão (exceto refugiados e asilados assim reconhecidos pelo Governo Brasileiro)

      Após o preenchimento do formulário, você irá gerar e imprimir a GRU e pagá-la na rede bancária (exceto refugiados e asilados assim reconhecidos pelo governo brasileiro, que deverão proceder imediatamente à etapa 3 após a conclusão da etapa 1.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • GRU

      Custos

      • Taxa de emissão   R$ 204,77
      Refugiados e asilados assim reconhecidos pelo governo brasileiro
      • Estes usuários são isentos do pagamento desta taxa.  

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
    3. Agendar atendimento presencial

      Feito o pagamento, você irá agendar atendimento presencial junto à PF na página do departamento.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Código dado no formulário preenchido na primeira etapa.

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
    4. Comparecer na Unidade da Policia Federal com a documentação pedida, para entrevista, análise e colhimento de digitais.

      Você deverá comparecer na Unidade de Polícia Federal com os documentos necessários.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • RNE;

      • Comprovante bancário de pagamento da taxa (exceto para refugiados e asilados assim reconhecidos pelo Governo Brasileiro);

      • Duas fotos 3x4 recentes, coloridas, com fundo branco;

      Estrangeiros com visto permanente da da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Perú e Uruguai
      • Carteira de identidade;

      • Documento pessoal onde conste filiação e cópia do DOU onde foi publicado o deferimento de permanência.

      Estrangeiros com visto permanente de demais países
      • Documento de viagem válido e original e fotocópia das páginas utilizadas do passaporte (poderão ser autenticadas pelo Cartório ou funcionário do DPF);

      • Documento pessoal onde conste filiação e cópia do DOU onde foi publicado o deferimento de permanência;

      Estrangeiros sem o visto permanente da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Perú e Uruguai
      • Carteira de identidade;

      • Visto consular e formulário original do pedido.

      Estrangeiros sem o visto permanente de demais países
      • Documento de viagem válido e original e fotocópia das páginas utilizadas do passaporte (poderão ser autenticadas pelo Cartório ou funcionário do DPF);

      • Visto consular e formulário original do pedido.

      Canais de prestação

        Presencial : 

      Unidade da Polícia Federal indicada no agendamento.

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
    5. Retirar a CRNM

      A CRNM será entregue pessoalmente a seu titular, mediante apresentação de documento de identificação.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Documento de identificação.

      Canais de prestação

        Presencial : 

      Deverá comparecer no local e horário especificado na etapa anterior.

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
  • Outras Informações
    Quanto tempo leva?
    Até 60 dia(s) corrido(s) é o tempo estimado para a prestação deste serviço.

    Este é um serviço do Ministério da Justiça e Segurança Pública . Em caso de dúvidas, reclamações ou sugestões favor contactá-lo.

    Tratamento a ser dispensado ao usuário no atendimento

    O usuário deverá receber, conforme os princípios expressos na lei nº 13.460/17, um atendimento pautado nas seguintes diretrizes:
    · Urbanidade;
    · Respeito;
    · Acessibilidade;
    · Cortesia;
    · Presunção da boa-fé do usuário;
    · Igualdade;
    · Eficiência;
    · Segurança; e
    · Ética


    Informações sobre as condições de acessibilidade, sinalização, limpeza e conforto dos locais de atendimento

    O usuário do serviço público, conforme estabelecido pela lei nº13.460/17, tem direito a atendimento presencial, quando necessário, em instalações salubres, seguras, sinalizadas, acessíveis e adequadas ao serviço e ao atendimento.


    Informação sobre quem tem direito a tratamento prioritário

    Tem direito a atendimento prioritário as pessoas com deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 anos, as gestantes, as lactantes, as pessoas com crianças de colo e os obesos, conforme estabelecido pela lei 10.048, de 8 de novembro de 2000​


Esta informação foi útil para você?