Solicitar a avaliação da toxicidade de inseticidas para o controle de Aedes aegypti, Aedes albopictus e Culex quinquefasciatus - Fiocruz/PE

Solicitar a avaliação da toxicidade de inseticidas para o controle de Aedes aegypti, Aedes albopictus e Culex quinquefasciatus - Fiocruz/PE
Iniciar
Avaliação: Sem Avaliação
Avaliação

O número antes das estrelas é a nota dada pelos usuários que utilizaram o serviço e vai de 1 a 5.
Depois das estrelas, entre parênteses, é a quantidade de usuários que avaliaram o serviço.
Os números são atualizados diariamente.

Iniciar
  • O que é?

    O serviço avalia a atividade tóxica de produtos comerciais ou experimentais, biológicos a base de Bacillus thuringiensis israelensis (Bti) e Lysinibacillus sphaericus (Lsp) ou químicos, reguladores de crescimento de insetos, organofosforados e piretroides, utilizados para o controle de mosquitos. Ensaios com substâncias e colônias de referência (A. aegypti, A. albopictus e C. quinquefasciatus) são realizados para estimar concentrações letais (CL) dos produtos para larvas ou mosquitos adultos.

  • Quem pode utilizar este serviço?
    • Empresas
    • Órgãos e Entidades Públicas

    Instituições públicas de ensino, pesquisa e serviço com ênfase para o Ministério da Saúde e Secretarias de Saúde, das esferas estadual e municipal, em todo o país, além de empresas do seguimento privado.

  • Etapas para a realização deste serviço
    1. Solicitar o serviço

      Acessar o botão "Iniciar" e preencher o formulário eletrônico. Guarde o protocolo gerado para futuras consultas e aguarde a análise da sua solicitação.

      Poderá ser recebida uma notificação automática, por e-mail, informando sobre a necessidade de entrar no sistema para ajustar algum dado fornecido.

      Após aprovação da solicitação do serviço, o solicitante receberá uma notificação automática para dar o “aceite final” na prestação do serviço.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Formulário específico do serviço (disponibilizado no formulário eletrônico)

      • Carta ou Ofício 

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
    2. Realizar envio da amostra

      A instituição solicitante enviará a amostra para análise, através de portador ou via Correios.

      Canais de prestação

        Presencial : 

      Fiocruz/SRCCV - Serviço de Referência no Controle de Culicídeos Vetores, Avenida Professor Moraes Rego, s/nr, Campus UFPE - Cidade Universitária, Recife - PE - CEP: 50740-465.

      Tempo estimado de espera Até 1 hora(s)

        Postal : 

      Fiocruz/SRCCV - Serviço de Referência no Controle de Culicídeos Vetores, Avenida Professor Moraes Rego, s/nr, Campus UFPE - Cidade Universitária, Recife - PE - CEP: 50740-465

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
    3. Receber Laudo

      O serviço envia o laudo da avaliação pelo gov.br, por e-mail ou portador, à instituição solicitante.

      Canais de prestação

        Web : 
        Presencial : 

      A instituição envia um portador para recebimento do laudo

      Tempo estimado de espera Até 1 hora(s)

        E-mail : 

      informado na solicitação

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
  • Outras Informações
    Quanto tempo leva?
    Até 90 dia(s) corrido(s) é o tempo estimado para a prestação deste serviço.

    Informações adicionais ao tempo estimado

    Esse prazo depende do envio da amostra e da qualidade da amostra enviada.


    Este serviço é gratuito para o cidadão.

    Para mais informações ou dúvidas sobre este serviço, entre em contato

    Endereço: Fiocruz/SRCCV - Serviço de Referência no Controle de Culicídeos Vetores
    Avenida Professor Moraes Rego, s/nr
    Campus UFPE - Cidade Universitária
    Recife - PE - CEP: 50740-465

    Telefones: (81) 2101-2646 / (81) 2101-2645 / (81) 2101-2516

    Email: mavarjal@cpqam.fiocruz.br

    Este é um serviço do(a) Fundação Oswaldo Cruz . Em caso de dúvidas, reclamações ou sugestões favor contactá-lo.

    Tratamento a ser dispensado ao usuário no atendimento

    O usuário deverá receber, conforme os princípios expressos na lei nº 13.460/17, um atendimento pautado nas seguintes diretrizes:

    • Urbanidade;
    • Respeito;
    • Acessibilidade;
    • Cortesia;
    • Presunção da boa-fé do usuário;
    • Igualdade;
    • Eficiência;
    • Segurança; e
    • Ética

    Informações sobre as condições de acessibilidade, sinalização, limpeza e conforto dos locais de atendimento

    O usuário do serviço público, conforme estabelecido pela lei nº13.460/17, tem direito a atendimento presencial, quando necessário, em instalações salubres, seguras, sinalizadas, acessíveis e adequadas ao serviço e ao atendimento.


    Informação sobre quem tem direito a tratamento prioritário

    Tem direito a atendimento prioritário as pessoas com deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 anos, as gestantes, as lactantes, as pessoas com crianças de colo e os obesos, conforme estabelecido pela lei 10.048, de 8 de novembro de 2000.


Esta página foi útil para você?