Emitir Certificado de Formação, Extensão ou Reciclagem do Vigilante
Solicitar
Última Modificação: 22/06/2020
Emitir Certificado de Formação, Extensão ou Reciclagem do Vigilante
  • O que é?

    Emissão dos Certificados de Conclusão de Cursos de Formação, Extensão e Reciclagem dos vigilantes pelas Escolas de Formação de Vigilantes autorizadas pela Polícia Federal.

  • Quem pode utilizar este serviço?

    Escolas de formação de vigilantes

    Os vigilantes devem apresentar para a Escola de Formação de Vigilantes a documentação necessária para participar dos cursos de formação, extensão ou reciclagem.

  • Etapas para a realização deste serviço
    1. Documentos

      Para se matricular em cursos de formação, extensão ou reciclagem os vigilantes devem apresentar no ato da matrícula

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Carteira de Identidade e do Cadastro de Pessoas Físicas – CPF

      • Certificado de Reservista (para homens; regularidade verificada automaticamente pelo Sistema GESP)

      • Título Eleitoral (regularidade verificada automaticamente pelo Sistema GESP)

      • Atestado psicotécnico

      • Atestado de sanidade física e mental

      • Certidões negativas de antecedentes criminais fornecidas pelas Justiças Federal, Justiça Estadual, Militar Estadual e Militar da União e Criminal Eleitoral

      • Histórico escolar referente à 4ª (quarta) série do antigo 1º Grau de Ensino.

      • Comprovante atualizado de residência.

      • Telefone do vigilante

      Custos

      • Taxa de expedição de certificado de formação, por aluno (pago pela escola de formação apenas no caso do Curso de Formação de Vigilantes)   R$ 13,47

      Tempo de duração da etapa

      Em média 60 dia(s) útil(eis)
  • Outras Informações
    Quanto tempo leva?
    Entre 31 e 60 dia(s) corrido(s) é o tempo estimado para a prestação deste serviço.

    Para mais informações ou dúvidas sobre este serviço, entre em contato

    Para dúvidas sobre o serviço enviar e-mail para dicof.cgcsp@dpf.gov.br


    Este é um serviço do Ministério da Justiça e Segurança Pública . Em caso de dúvidas, reclamações ou sugestões favor contactá-lo.

    Validade do Documento
    Válido por 2 ano(s)

    Tratamento a ser dispensado ao usuário no atendimento

    O usuário deverá receber, conforme os princípios expressos na lei nº 13.460/17, um atendimento pautado nas seguintes diretrizes:
    · Urbanidade;
    · Respeito;
    · Acessibilidade;
    · Cortesia;
    · Presunção da boa-fé do usuário;
    · Igualdade;
    · Eficiência;
    · Segurança; e
    · Ética


    Informações sobre as condições de acessibilidade, sinalização, limpeza e conforto dos locais de atendimento

    O usuário do serviço público, conforme estabelecido pela lei nº13.460/17, tem direito a atendimento presencial, quando necessário, em instalações salubres, seguras, sinalizadas, acessíveis e adequadas ao serviço e ao atendimento.


    Informação sobre quem tem direito a tratamento prioritário

    Tem direito a atendimento prioritário as pessoas com deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 anos, as gestantes, as lactantes, as pessoas com crianças de colo e os obesos, conforme estabelecido pela lei 10.048, de 8 de novembro de 2000​


Esta informação foi útil para você?