Notícias

Meio Ambiente

Mais um lixão fechado em Minas Gerais

Também foi inaugurada Unidade de Triagem e Compostagem no município de Francisco Dumont
Publicado em 11/12/2020 16h06
Mais um lixão fechado em Minas Gerais

Ao todo, o projeto alcançará mais de 60 municípios mineiros até 2021 - Foto: Ministério do Meio Ambiente

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, inaugurou uma Unidade de Triagem e Compostagem (UTC) e participou do encerramento de lixão no município de Francisco Dumont (MG). O lixão é um dos 15 encerrados no norte do estado.

A região gera mais de 300 mil toneladas de resíduos sólidos por ano, e o descarte inadequado acarreta diversos danos ao meio ambiente, trazendo inclusive impactos econômicos e de saúde pública aos locais afetados. Além de poluir solo e água, os lixões causam a proliferação de vetores de doenças.

Ao todo, o projeto alcançará mais de 60 municípios mineiros até 2021, beneficiando diretamente cerca de 1,2 milhão de brasileiros no norte do estado.

A efetivação do projeto envolve 3 principais etapas: a instalação de UTCs com centrais de transbordo, possibilitando a recuperação de materiais recicláveis e orgânicos; o fornecimento de caminhões para coleta convencional e seletiva; e o encerramento dos lixões, com cercamento, nivelamento, drenagem e recuperação da vegetação.

Programa Nacional de Recuperação de Áreas Contaminadas

O evento celebrou também o lançamento do programa de Recuperação de Áreas Contaminadas, quarto eixo instituído da Agenda Ambiental Urbana. O objetivo do eixo é recuperar a qualidade ambiental urbana em regiões com contaminação por produtos químicos ou resíduos, habilitando-as para usos ambientalmente adequados.

Conheça o programa Lixão Zero

Conheça o programa de Recuperação de Áreas Contaminadas

 

Com informações do Ministério do Meio Ambiente