Notícias

Acessibilidade

Ebserh tem aumento significativo de eficiência no atendimento às demandas externas recebidas

Dados demonstram melhorias na eficiência das ouvidorias nos atendimentos às demandas
Publicado em 24/03/2021 18h53 Atualizado em 29/03/2021 13h29
Após live sobre a Lei Geral de Proteção de Dados, a Ebserh chegou a números positivos sobre o atendimento prestado à população.

Após live sobre a Lei Geral de Proteção de Dados, a Ebserh chegou a números positivos sobre o atendimento prestado à população.

Brasília (DF) – Na última quinta-feira (18/03), a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) apresentou números importantes sobre a qualidade do atendimento prestado pela empresa.O Governo Federal atingiu a marca de um milhão de pedidos de acesso à informação. Na ocasião, o ministro da CGU, Wagner de Campos Rosário, ressaltou que tal feito “permite a participação ativa da sociedade em ações governamentais”, valendo ressaltar que, do total de pedidos registrados, a Rede Ebserh foi responsável pelo tratamento de 9.331 registros desde a criação da plataforma, em maio de 2012, até 17 de março de 2021. Só nos últimos dois anos, foram quase 5 mil pedidos respondidos, com um índice de assertividade de 3,88 e de facilidade de compreensão de 4,29, ambos em escala de 1 a 5. Já o índice de omissões da Ebserh atualmente é de apenas 0,01%, o que corresponde a apenas um pedido.

No primeiro ano de vigência, em 2012, o prazo médio da Ebserh foi de 20,5 dias, sendo diminuído para quase a metade em 2020, 11,61 dias, o que demonstra melhorias na eficiência no serviço prestado pela ouvidoria, área também responsável pela gestão dos pedidos de acesso à informação.

Um dos desafios postos para as equipes foi discutido em uma live sobre a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), quando houve uma troca de experiências sobre a implementação da nova legislação nas ouvidorias. Na oportunidade, a Ouvidora-geral da Ebserh, Savana Dantas, palestrou sobre o compartilhamento de dados dos demandantes no contexto das Ouvidorias hospitalares. A transmissão da live ocorreu pelos canais da Controladoria-Geral da União (CGU) e da Secretaria da Controladoria-Geral do Estado de Pernambuco, por meio do YouTube, e contou com a participação Ouvidor-Geral da União, Valmir Dias.

Sobre a Ebserh

Criada em 2011, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Coordenadoria de Comunicação Social com informações da Ouvidoria da Rede Ebserh/MEC

Saúde e Vigilância Sanitária