Vacinar contra formas graves de tuberculose (BCG) - Fiocruz/RJ

Vacinar contra formas graves de tuberculose (BCG) - Fiocruz/RJ
Avaliação: Sem Avaliação
Avaliação

O número antes das estrelas é a nota dada pelos usuários que utilizaram o serviço e vai de 1 a 5.
Depois das estrelas, entre parênteses, é a quantidade de usuários que avaliaram o serviço.
Os números são atualizados diariamente.

  • O que é?

    A vacina BCG (Bacilo de Calmette e Guérin) é indicada para prevenir as formas graves de Tuberculose (Miliar e Meníngea).  Esquema de vacinação em dose única o mais precocemente possível, preferencialmente nas primeiras 12 horas após o nascimento, ainda na maternidade. Na rotina, a vacina é destinada a crianças na faixa etária de 0 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias. O imunizante é apresentado sob a forma liofilizada em ampola multi dose acompanhada da ampola do diluente específico. É oferecido habitualmente pelo setor de imunização do Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria/ENSP que administra as vacinas descritas no calendário vacinal estabelecido pelo Ministério da Saúde.

  • Quem pode utilizar este serviço?

    Cidadãos (crianças)

    Vacina indicada para faixa etária de 0 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias.

  • Etapas para a realização deste serviço
    1. Realizar breve entrevista

      O usuário deverá participar de uma breve entrevista para verificar requisitos de idade e de prioridade de atendimento. Nessa etapa também serão avaliadas questões de saúde importantes, como casos em que a vacinação seria contraindicada.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Certidão de nascimento ou Declaração de Nascido Vivo - DNV (criança)

      • Carteira de Vacinação - caso já tenha (criança)

      • Documento de identificação com foto (acompanhante)

      Canais de prestação

        Presencial : 

      Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria/ENSP
      Rua Leopoldo Bulhões, 1480 - Térreo Manguinhos
      Rio de Janeiro , RJ

      Tempo estimado de espera Até 1 hora(s)

      Tempo de duração da etapa

      Até 1 hora(s)
    2. Vacinar-se

      O cidadão (criança) irá receber a vacina administrada pelo profissional de saúde. A carteira de vacinação será fornecida ou atualizada, caso o responsável já tenha o documento disponível, para conter o registro da vacina recebida.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Certidão de nascimento ou Declaração de Nascido Vivo - DNV (criança)

      • Documento de identificação com foto (acompanhante)

      Canais de prestação

        Presencial : 

      Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria/ENSP
      Rua Leopoldo Bulhões, 1480 - Térreo Manguinhos
      Rio de Janeiro , RJ

      Tempo estimado de espera Até 1 hora(s)

      Tempo de duração da etapa

      Até 1 hora(s)
  • Outras Informações
    Quanto tempo leva?
    Até 2 hora(s) é o tempo estimado para a prestação deste serviço.

    Este serviço é gratuito para o cidadão.

    Para mais informações ou dúvidas sobre este serviço, entre em contato

    Endereço completo:  Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria/ENSP

    Rua Leopoldo Bulhões, 1480 - Térreo Manguinhos
    20041-210 Rio de Janeiro RJ
    Telefone: (21) 2598-2770

    Este é um serviço do Fundação Oswaldo Cruz . Em caso de dúvidas, reclamações ou sugestões favor contactá-lo.

    Tratamento a ser dispensado ao usuário no atendimento

    O usuário deverá receber, conforme os princípios expressos na lei nº 13.460/17, um atendimento pautado nas seguintes diretrizes:

    • Urbanidade;
    • Respeito;
    • Acessibilidade;
    • Cortesia;
    • Presunção da boa-fé do usuário;
    • Igualdade;
    • Eficiência;
    • Segurança; e
    • Ética

    Informações sobre as condições de acessibilidade, sinalização, limpeza e conforto dos locais de atendimento

    O usuário do serviço público, conforme estabelecido pela lei nº13.460/17, tem direito a atendimento presencial, quando necessário, em instalações salubres, seguras, sinalizadas, acessíveis e adequadas ao serviço e ao atendimento.


    Informação sobre quem tem direito a tratamento prioritário

    Tem direito a atendimento prioritário as pessoas com deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 anos, as gestantes, as lactantes, as pessoas com crianças de colo e os obesos, conforme estabelecido pela lei 10.048, de 8 de novembro de 2000.


Esta página foi útil para você?
Sim (1) Não (5)