Notícias

Combate à Covid-19

Governo pretende ampliar a vacinação

Segundo o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, a intenção é chegar a um milhão de pessoas vacinadas diariamente em curto prazo
Publicado em 24/03/2021 19h35
Compromisso número um do Governo é ampliar a vacinação

Governo assume o compromisso de, a curto prazo, passar dos atuais 300 mil vacinados por dia para 1 milhão - Foto: Alan Santos/PR

Um dia após assumir o cargo, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou, nesta quarta-feira (24), que chegou à pasta com a determinação expressa de ampliar a vacinação contra a Covid-19 no país. Segundo ele, o Governo assume o compromisso de, a curto prazo, passar dos atuais 300 mil vacinados por dia para 1 milhão.

“O compromisso número um do nosso Governo é a implementação de uma forte campanha de vacinação”, afirmou o ministro. “Com a Covid-19, a determinação expressa do Presidente da República é para que consigamos ampliar esse número de vacinação. Temos condições de vacinar muitas pessoas. Atualmente, vacinamos 300 mil indivíduos todos os dias e o ministro da Saúde e o Governo assumem o compromisso de, em curto prazo, aumentar pelo menos em três vezes essa velocidade de vacinação para um milhão de vacinas todos os dias”, afirmou.

“Estamos agora com o firme propósito, e essa é uma providência do momento, de instituir uma secretaria especial para o combate à Covid-19. Essa secretaria vai cuidar somente da doença. Sabemos que as pessoas continuam tendo outros males e o Ministério da Saúde precisa continuar atendendo todos esses pacientes. A secretaria especial vai funcionar 24 horas por dia”, explicou o ministro.

Para fortalecer o combate à Covid-19, o ministério trabalhará em parceria com instituições científicas, organizações e conselhos de classe como o de Medicina, de Enfermagem e de Fisioterapia, segundo Marcelo Queiroga. “Vamos trazer todos para o Ministério da Saúde para que possamos unir esforços e vencer essa grande dificuldade sanitária.”