Notícias

Coronavírus

Governo lança edital para receber doações de produtos de prevenção ao coronavírus

Inscrições para as doações podem ser realizadas por qualquer pessoa física ou jurídica pela internet ou através do Reuse
Publicado em 20/03/2020 17h21
Doação de produtos

Qualquer pessoa ou empresa pode doar, em todo o país, materiais como luvas, máscaras, termômetros e álcool em gel. Foto: Agência Brasil

Pessoas físicas e jurídicas já podem doar produtos médicos e hospitalares de prevenção, com o objetivo de minimizar os impactos da pandemia causada pelo coronavírus (Covid-19). O Ministério da Economia abriu, na quinta-feira (19), um edital especificamente para essa finalidade. As doações poderão ser entregues em qualquer localidade do País. 

Os materiais que podem ser doados são: máscara padrão de segurança (N95/PFF2/N99/N100/ PFF3), máscara cirúrgica, protetor ocular ou protetor de face, luvas, capote (avental, jaleco), sabão líquido, álcool em gel, álcool 70%, higienizantes para o ambiente e termômetro digital.

As inscrições para as doações podem ser realizadas por qualquer pessoa física ou jurídica pelo e-mail: seges.central.doacao@planejamento.gov.br, via protocolo eletrônico, e via peticionamento eletrônico; ou presencialmente, no Ministério da Economia, na Esplanada dos Ministérios, Bloco C, sala 110, CEP 70.046-900, até às 18h, do próximo dia 31 de março.

Reuse
Por meio da plataforma oficial de doações do governo federal, o Reuse, os interessados em doar outros insumos e serviços para o combate ao coronavírus (Covid-19) também podem manifestar interesse. 

Primeiro, o usuário deve se cadastrar no portal Gov.br. Após completar o cadastro, basta acessar o site do Reuse e incluir as doações na opção “quero doar”. O interessado deve incluir as informações sobre o produto ou serviço, anexar fotos e indicar se a doação é para um órgão específico (opcional). 

Ao finalizar, a oferta do doador será analisada pela Central de Compras do ME. Concluída a avaliação, o anúncio do doador será publicado automaticamente pelo Reuse e ficará disponível durante dez dias.
 
Com informações do Ministério da Economia