Notícias

ENERGIA

Medidas de segurança e distribuição garantem o fornecimento de energia elétrica no País

A ação da Agência Nacional de Energia Elétrica terá validade de 90 dias, podendo ser prorrogada
Publicado em 25/03/2020 14h42
A ação tem como foco a pandemia do coronavírus no mundo

- Foto: Marcello Camargo – Agência Brasil

Entrou em vigor nesta quarta-feira (25), um conjunto de medidas da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), para garantir a continuidade do serviço de distribuição de energia elétrica em todo o País. Entre os principais destaques estabelecidos está a proibição da suspensão do fornecimento em decorrência do não pagamento da conta de energia das residências localizadas nas zonas urbanas e rurais. Estão inclusos também os serviços e atividades consideradas essenciais, como os hospitais.

A medida terá validade por 90 dias, podendo ser prorrogada. A medida é mais uma ação para combater os impactos da pandemia do novo coronavírus no Brasil.

Confira aqui as principais medidas que vão assegurar a segurança do consumidor e funcionários da agência:

  1. 1. Fica vedado temporariamente a suspensão do fornecimento de energia elétrica por inadimplência de consumidores residências, tanto rurais como urbanos, e de serviços essenciais
  2. 2.Fica permitido a substituição da fatura mensal impressa por boletos eletrônicos ou códigos de barras.
  3. 3. Os funcionários da Aneel passam a fazer a leitura do gasto da energia nas localidades em intervalos diferentes ou por autoleitura e até mesmo pelo consumo médio nos últimos 12 meses.
  4. 4. Fica permitido que as distribuidoras de energia elétrica no País suspendam o atendimento presencial nos locais de consumo e intensifiquem os recursos automático do SAC.
  5. 5. Os funcionários passam a priorizar os atendimentos telefônicos e de urgência e emergência.  

 

Para ter acesso as outras medidas basta acessar o site da agência no endereço www.aneel.gov.br

Com informações do Diário Oficial da UniãoAneel