Notícias

Covid-19

Canal de ouvidoria recebeu quase 16 mil manifestações sobre o novo coronavírus

Cidadão pode se manifestar sobre problemas na prestação de serviços ou na atuação dos agentes públicos
Publicado em 13/05/2020 15h57
Divulgação Fala.BR

Cidadão pode relatar falta de insumos, desobediência às medidas de prevenção, questões sobre o recebimento de auxílio emergencial, irregularidades na aplicação de recursos, além de apresentar sugestões para o combate à pandemia - Foto: Divulgação/CGU

Quase 16 mil manifestações relativas à prestação de serviços ou à atuação de agentes públicos nas ações de enfrentamento ao novo coronavírus foram registradas na plataforma Fala.BR, em pouco mais de um mês. De acordo com a Controladoria-Geral da União (CGU), responsável pela plataforma, o número representa 13% de todos os registros dos últimos 30 dias. Os dados constam do relatório, que detalha os assuntos e órgãos mais demandados, divulgado, na última segunda-feira (11), pela CGU. 

Em 20 de março, a CGU criou o canal específico para que a população se manifestasse em relação às ações públicas prestadas no enfrentamento da pandemia de Covid-19. Pelo canal, o cidadão pode relatar, por exemplo, a falta de insumos nos órgãos públicos, desobediência às medidas de prevenção, questões sobre o recebimento do Auxílio Emergencial, irregularidades na aplicação de recursos, além de sugestões que auxiliem no enfrentamento da pandemia.

De acordo com a CGU, os órgãos mais demandados nas reclamações são: o Ministério da Cidadania, a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev) e o Ministério da Saúde. Entre os assuntos estão: o Auxílio Emergencial, solicitação de benefícios, dúvidas e reclamações sobre os critérios e operacionalização do recebimento, além de denúncias de supostos recebimentos indevidos.

Já as sugestões apresentadas tiveram destaque aquelas que tratam de questões tributárias e trabalhistas, prorrogações de prazos, disponibilização de linhas de crédito, concessão de benefícios e auxílios financeiros e alteração de normas regulatórias, entre outras.

Análise estratégica

A CGU tem realizado diariamente o monitoramento e a análise estratégica das informações recebidas por meio do Fala.BR, a fim de contribuir com as decisões do Governo, identificando as tipologias de manifestações mais utilizadas, as unidades mais demandadas, os assuntos mais recorrentes e as sugestões mais relevantes para o enfrentamento da emergência em saúde.

Confira o relatório completo aqui 

Saiba como se manifestar

As manifestações podem ser enviadas por meio de formulário eletrônico, disponível na plataforma Fala.BR, bastando escolher o órgão ou entidade e marcar o assunto “Coronavírus (Covid-19)”. Também é possível fazer denúncia diretamente à CGU (aqui), que pode ser anônima, bastando escolher a opção “Não identificado”.

Fonte: Controladoria Geral da União