Notícias

Covid-19

Conselho Curador autoriza suspensão em pagamentos de financiamentos do setor de mobilidade urbana

Medida é temporária e visa mitigar os efeitos da pandemia na saúde financeira de empresas responsáveis pelo transporte público

 

O Conselho Curador do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) realizou, nesta terça-feira (23/6), por videoconferência, sua 175ª Reunião Ordinária, na qual foi aprovada a suspensão temporária do pagamento de financiamentos de empresas do setor de mobilidade urbana. A medida visa mitigar os efeitos da pandemia do novo coronavírus na saúde financeira de prestadores de serviços de transporte público.

Acesse aqui um resumo de todos os votos aprovados nesta terça-feira

A suspensão tem duração de até seis meses e engloba os pagamentos ao FGTS de financiamento feitos por empresas privadas de transporte público urbano por meio do subprograma Refrota, do programa Pró-Transporte, do Ministério do Desenvolvimento Regional.

O impacto da suspensão desses pagamentos é estimado em cerca de R$ 51 milhões.

Veja também: Conselho Curador aprova o não recolhimento momentâneo de débitos parcelados referentes aos meses de março a agosto