Cadastrar-se para realizar selagem de cronotacógrafos em veículos de frota própria
Última Modificação: 31/07/2019
Cadastrar-se para realizar selagem de cronotacógrafos em veículos de frota própria
  • O que é?

    Processo de cadastro de empresas autorizadas a realizar a selagem dos cronotacógrafos instalados nos veículos da sua própria frota. A selagem consiste na colocação de mecanismos de proteção no cronotacógrafo, denominadas marcas de selagem, para que determinados elementos sejam mantidos em condição regulamentar de uso. Cabe ao Inmetro avaliar as condições e os requisitos para as empresas se credenciarem para realizar selagem de seus cronotacógrafos. Deve-se encaminhar solicitação ao e-mail cronotacografo1@inmetro.rs.gov.br para dar início ao cadastro. Após a solicitação, o candidato receberá a lista de documentos por e-mail, que deverão ser preenchidos e encaminhados pelos Correios. A solicitação será analisada e, se estiver completa, será aberto processo administrativo e será marcada a avaliação nas instalações da empresa. O candidato deve possuir instalações físicas e equipamentos compatíveis com a atividade objeto do credenciamento.

  • Quem pode utilizar este serviço?

    Empresas privadas

  • Etapas para a realização deste serviço
    1. Solicitar cadastramento.

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Certificado de conclusão de curso

      • CNPJ

      • Comprovante de endereço/residência

      • Contrato Social

      • Registro da Junta Comercial

      • Certificado de Calibração

      Custos

      • Taxa de Selagem   R$ 26,74

      Canais de prestação

        E-mail : 

      cronotacografo@inmetro.gov.br

        Postal : 

      Inmetro - Av. Nossa Senhora, 50 - Xerém - Duque de Caxias - RJ - CEP:25250-020

      Tempo de duração da etapa

      Não estimado ainda
  • Outras Informações
    Quanto tempo leva?
    Entre 60 e 90 dia(s) corrido(s) é o tempo estimado para a prestação deste serviço.

    Este é um serviço do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia . Em caso de dúvidas, reclamações ou sugestões favor contactá-lo.

    Tratamento a ser dispensado ao usuário no atendimento

    O usuário deverá receber, conforme os princípios expressos na lei nº 13.460/17, um atendimento pautado nas seguintes diretrizes:n· Urbanidade;n· Respeito;n· Acessibilidade;n· Cortesia;n· Presunção da boa-fé do usuário;n· Igualdade;n· Eficiência;n· Segurança; en· Ética


    Informações sobre as condições de acessibilidade, sinalização, limpeza e conforto dos locais de atendimento

    O usuário do serviço público, conforme estabelecido pela lei nº13.460/17, tem direito a atendimento presencial, quando necessário, em instalações salubres, seguras, sinalizadas, acessíveis e adequadas ao serviço e ao atendimento.


    Informação sobre quem tem direito a tratamento prioritário

    Tem direito a atendimento prioritário as pessoas com deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 anos, as gestantes, as lactantes, as pessoas com crianças de colo e os obesos, conforme estabelecido pela lei 10.048, de 8 de novembro de 2000


Esta informação foi útil para você?