Acessar ferramentas de informações gerenciais dos programas e ações do Ministério da Cidadania
Última Modificação: 16/12/2019
  • O que é?

    Para facilitar a vida do cidadão, o Ministério da Cidadania conta com um Catálogo de Ferramentas Informacionais para ajudar a localizar equipamentos da rede socioassistencial, como os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS); emitir comprovantes de inscrição no Cadastro Único; e consultar dados sobre os programas sociais do seu município, como o Bolsa Família. 

  • Quem pode utilizar este serviço?

    Cidadão, pesquisadores, gestores, dentre outros.

    Ter acesso à internet.

  • Etapas para a realização deste serviço
    1. Acessar os Mapas Estratégicos para Políticas de Cidadania (MOPS)

      Reúne e organiza informações sobre políticas sociais, oportunidades de inclusão produtiva e disponibilidade de serviços e equipamentos. O MOPS exibe mapas, textos e georreferenciamento de dados, visando auxiliar e facilitar a vida do cidadão.

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Atendimento imediato
    2. Acessar a Consulta Cidadão

      Emite um comprovante de inscrição no Cadastro Único e permite a visualização dos dados cadastrais básicos das pessoas e famílias inscritas no Cadastro Único. O site poupa tempo ao cidadão, que não precisa se deslocar ao CRAS ou à gestão municipal do Bolsa Família e do Cadastro Único para obter essas informações. Para realizar a consulta, são necessárias as seguintes informações: nome completo, data de nascimento, nome da mãe e estado. 

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Para realizar a consulta, são necessárias as seguintes informações: nome completo, data de nascimento, nome da mãe e estado.

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Em média 05 minuto(s)
    3. Acessar Meu CadÚnico

      Emite um comprovante de inscrição no Cadastro Único e permite a visualização dos dados cadastrais básicos das pessoas e famílias inscritas no Cadastro Único. O aplicativo poupa tempo ao cidadão, que não precisa se deslocar ao CRAS ou à gestão municipal do Bolsa Família e do Cadastro Único para obter essas informações. Para realizar a consulta, são necessárias as seguintes informações: nome completo, data de nascimento, nome da mãe e estado. 

      Documentação

      Documentação em comum para todos os casos
      • Para realizar a consulta, são necessárias as seguintes informações: nome completo, data de nascimento, nome da mãe e estado.

      Canais de prestação

        Aplicativo móvel : 

      Disponível para download nas lojas
      Google Play: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.gov.mds.cadastrounico&hl=pt_BR&pcampaignid=MKT-Other-global-all-co-prtnr-py-PartBadge-Mar2515-1
      AppStore: https://apps.apple.com/br/app/meu-cad%C3%BAnico/id1405740503

      Tempo de duração da etapa

      Até 05 minuto(s)
    4. Acessar Portal Bolsa Família e Cadastro Único no seu Município

      Apresenta dados, informações e análises sobre o Programa Bolsa Família e o Cadastro Único nos municípios brasileiros. A ferramenta contém texto, exibe vídeos e permite exportar para PDF.

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Até 05 minuto(s)
    5. Acessar VIS DATA

      Permite a visualização de programas, ações e serviços do Ministério da Cidadania. Nesse ambiente, é possível acessar diversas ferramentas e bases de dados. Podem ser encontrados relatórios de informações, painéis de monitoramento e tabelas com dados, de um ou mais indicadores em um determinado período e local selecionados. Há também diversas opções de recorte disponíveis: mês/ano, municípios, estados, regiões, Brasil ou áreas especiais.

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Até 05 minuto(s)
    6. Acessar CECAD 2.0

      Apresenta as características socioeconômicas das famílias e pessoas incluídas no Cadastro Único (domicílio, faixa etária, trabalho, renda etc.).

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Até 05 minuto(s)
    7. Acessar RI Social

      Apresenta relatórios sintéticos que fornecem uma visão geral dos principais indicadores sobre a gestão e os resultados dos programas do MC em todo o país. A aplicação permite exportar seus dados para o formato PDF. 

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Até 05 minuto(s)
    8. Tab Social

      Este portal permite tabulações simples e cruzadas a partir das principais bases de microdados do Ministério da Cidadania. Há dois tipos de tabuladores: Tab SUAS, com dados do Sistema Único de Assistência Social a partir do Censo SUAS;e Tab Cad, com dados oriundos da base do Cadastro Único.

      Canais de prestação

        Web : 

      Tempo de duração da etapa

      Atendimento imediato
  • Outras Informações
    Quanto tempo leva?
    Não estimado ainda

    Este serviço é gratuito para o cidadão.

    Para mais informações ou dúvidas sobre este serviço, entre em contato

    Acesse o Portal do Ministério da Cidadania para maiores informações. 
    http://mds.gov.br/ministerio-da-cidadania/ouvidoria-do-ministerio.
    Ou pelo telefone 121 - Ouvidoria Geral do Ministério da Cidadania


    Este é um serviço do Ministério da Cidadania . Em caso de dúvidas, reclamações ou sugestões favor contactá-lo.

    Tratamento a ser dispensado ao usuário no atendimento

    O usuário deverá receber, conforme os princípios expressos na lei nº 13.460/17, um atendimento pautado nas seguintes diretrizes:

    • Urbanidade;
    • Respeito;
    • Acessibilidade;
    • Cortesia;
    • Presunção da boa-fé do usuário;
    • Igualdade;
    • Eficiência;
    • Segurança; e
    • Ética

    Informações sobre as condições de acessibilidade, sinalização, limpeza e conforto dos locais de atendimento

    O usuário do serviço público, conforme estabelecido pela lei nº13.460/17, tem direito a atendimento presencial, quando necessário, em instalações salubres, seguras, sinalizadas, acessíveis e adequadas ao serviço e ao atendimento.


    Informação sobre quem tem direito a tratamento prioritário

    Tem direito a atendimento prioritário as pessoas com deficiência, os idosos com idade igual ou superior a 60 anos, as gestantes, as lactantes, as pessoas com crianças de colo e os obesos, conforme estabelecido pela lei 10.048, de 8 de novembro de 2000.


Esta informação foi útil para você?