Notícias

investimento

Energisa prevê investimento de R$ 7,5 bilhões nos próximos três anos

Nos últimos cinco anos, o grupo investiu cerca de R$ 11 bilhões no País
Publicado em 21/11/2019 19h40
Energisa.jpg

Presidente Jair Bolsonaro recebe o presidente da Energisa SA Foto: Carolina Antunes/PR

Em entrevista no Palácio do Planalto, Ricardo Perez Botelho, presidente da Energisa SA, um dos maiores grupos privados do setor elétrico no País, apresentou planos da empresa para os próximos anos, que preveem investimento de R$ 7,5 bilhões no País. "Reafirmamos o nosso compromisso com as regiões que nós atendemos, com a expansão do setor elétrico, que é fundamental para trazer o desenvolvimento, conforto, segurança energética para o País."

Nos estados do Acre e Rondônia, onde a empresa está há menos de um ano, a previsão é um investimento de R$ 1,5 bilhão até 2022, para equacionar uma série de deficiências e levar energia de qualidade a esses locais. "Nessas regiões ainda existe uma carência bastante razoável, mas, com esse plano de investimento, nós devemos equacionar isso até 2022", afirmou Botelho.

Nos últimos cinco anos, o grupo investiu cerca de R$ 11 bilhões, atuando nos setores de distribuição (principal), geração, transmissão e servições do setor elétrico. Presente em 11 estados, a Energisa atende quase 10% da população brasileira. 

Na tarde desta quinta-feira (21), Botelho foi recebido pelo presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto.