Notícias

Convênios firmados pela Sudene investirão em soluções de TIC para o desenvolvimento regional

Projetos serão executados em diversos estados do Nordeste. Serão investidos R$ 1,8 milhão.
Publicado em 07/01/2021 12h34
Convênios de TIC contam com o apoio da Sudene

Iniciativas investem na capacitação de profissionais, pesquisadores e estudantes, além da revitalização da indústria regional. Foto: Freepik.com

Recife – PE – A Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste vai investir R$ 1,8 milhão em dois projetos no setor de tecnologia da informação e comunicação. Os convênios vão permitir a execução de programas com parceiros na Bahia e Pernambuco para formação de profissionais no setor e ampliação de redes de instituições para disseminação de conhecimento.

Na Bahia, a parceria com a Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado tem como objeto a disseminação e o fortalecimento de uma rede de referência de inteligência artificial chamado Espaço Bah.ia. A iniciativa propõe um ambiente que vai oferecer formação em alto nível para o corpo docente de centros de ensino superior e cursos de formação no estado, além de capacitação voltada também para estudantes de escolas públicas e universitários. Está prevista, ainda, a participação de empresas, para que haja o levantamento de demandas tecnológicas de aplicação de inteligência artificial.

Espera-se que a plataforma seja disponibilizada em até um ano. Serão investidos pouco mais de R$ 616 mil no projeto.

A outra proposta que contará com o apoio da Sudene trata de um programa de revitalização da indústria nordestina rumo à chamada indústria 4.0. Realizado com o apoio do Instituto de Inovação Tecnológica da Universidade de Pernambuco (UPE), o convênio contará com investimentos na ordem de R$ 1,26 milhão. Serão realizados o mapeamento das competências do setor, a formação de pessoal (residência tecnológica) e elaboração de projetos em tecnologias habilitadoras para a indústria 4.0.

O projeto prevê a realização de um diagnóstico do grau de maturidade de 40 empresas da região em relação ao tema, além da capacitação de 80 gestores de indústrias dos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe para o desenvolvimento de práticas de melhoramento contínuo.

O programa também vai apoiar a formação de 40 alunos de pós-graduação a partir da participação em projetos de desenvolvimento da indústria 4.0, além de apresentar 40 projetos em desenvolvimento em tecnologias habilitadoras para as empresas participantes. As primeiras atividades devem ser iniciadas em março deste ano, com prazo de conclusão previsto para junho de 2022.

Ciência e Tecnologia