Notícias

Consórcio

Sudeco e Arena BSB alinham parceria para o desenvolvimento de projetos no Distrito Federal

Reunião aconteceu na sede da Sudeco
Publicado em 10/03/2021 15h54 Atualizado em 18/03/2021 11h58
IMG_6569 (3).JPG

Superintendente da Sudeco, Nelson Fraga, com o presidente do empreendimento Arena BSB, Richard Doubois, diretor de Relações Institucionais do Arena BSB, Paulo Sérgio Hoff, e o diretor de Implementação de Programas e de Gestão de Fundos da Sudeco, Renato Lima.

Nesta última segunda-feira (08) o superintendente do Desenvolvimento do Centro-oeste (Sudeco), Nelson Fraga, esteve reunido com o presidente do empreendimento Arena BSB, Richard Dubois, para discutir ações de apoio ao projeto estruturante no Distrito Federal, por meio dos Fundos. A reunião aconteceu na sede da autarquia e também contou com a participação do diretor de Relações Institucionais do Arena BSB, Paulo Sérgio Hoff, e o diretor de Implementação de Programas e de Gestão de Fundos da Sudeco, Renato Lima.

O consórcio Arena BSB, voltado ao setor de entretenimento e lazer, recebeu do Governo do Distrito Federal (GDF), no início de março (4), a concessão do Complexo Esportivo de Brasília, formado pelo estádio Nacional Mané Garrincha, Ginásio Nilson Nelson e Complexo Aquático Cláudio Coutinho. A iniciativa privada vai gerir o espaço por 35 anos e qualificá-lo para receber grandes eventos.

Em 2020, a Sudeco aprovou o empenho de R$ 214,2 milhões do Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste (FDCO) para a Arena BSB. Será o primeiro empreendimento na capital federal apoiado pelo Fundo. Segundo o empreendimento, serão criados mais de 4 mil empregos diretos e 5,9 mil indiretos na fase da construção do complexo. Já em seu pleno funcionamento, o Arena BSB criará 4,1 mil postos de trabalho diretos e 6.150 empregos indiretos.

Comunicações e Transparência Pública