Sandbox Regulatório

Banner do programa Sandbox Regulatório
set-2.png

Qual o site oficial do programa?

Como se trata do primeiro ciclo, o site oficial ainda está em construção e será amplamente divulgado assim que estiver apto para uso.

set-2.png

O que é o programa?

O Sandbox Regulatório é uma iniciativa que permite que instituições já autorizadas e ainda não autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil possam testar projetos inovadores (produtos ou serviços experimentais) com clientes reais, sujeitos a requisitos regulatórios específicos.


set-2.png

Quais são os benefícios?

Os principais benefícios para os participantes são:
Teste de um projeto inovador com clientes reais, sujeito a requisitos regulatórios customizados e mais brandos do que aqueles estabelecidos para as instituições incumbentes.
Monitoramento específico pela área de supervisão do Banco Central do Brasil, agregando experiência ao participante de como é trabalhar em ambientes supervisionados.
Contato com a área de regulação do Banco Central do Brasil, podendo fornecer subsídios a eventual nova regulamentação do sistema financeiro, especificamente na área específica do seu projeto.

set-2.png

Qual o investimento?

A regulamentação ainda está em fase de construção, mas não há expectativa de aporte de recurso financeiro pelo Banco Central do Brasil aos participantes do Sandbox Regulatório.

set-2.png

Quais as próximas chamadas?

O início do primeiro ciclo do Sandbox Regulatório do Banco Central do Brasil está previsto para o primeiro semestre de 2021.

set-2.png

como é realizada a inscrição e seleção?

A inscrição será realizada por meio do hotsite do Sandbox Regulatório. As entidades interessadas deverão apresentar projeto enquadrado no conceito de projeto inovador, definido na regulamentação do programa, o qual deverá estar no âmbito de competência do Conselho Monetário Nacional ou do Banco Central do Brasil. Considerando a capacidade operacional da referida Autarquia, o número de participantes será limitado e sua seleção se dará com base em critérios a serem definidos pela regulamentação do programa.

set-2.png

Quem são os responsáveis?

Banco Central do Brasil