Notícias

Troca de Experiências sobre o Participa + Brasil

Publicado em 16/07/2021 15h06 Atualizado em 16/07/2021 15h30

 

A Secretaria de Governo da Presidência da República realizou na tarde desta quinta-feira (15), o primeiro ciclo de “Diálogos para Troca de Experiências” sobre a utilização da plataforma de participação social do Governo Federal, Participa + Brasil, como objetivo de aprimorar a plataforma que completa 9 meses desde seu lançamento.

A Secretária Especial, Gabriele Olivi e a equipe da Secretaria Especial de Articulação Social (SEAS), responsável pelo Participa + Brasil, convidaram ministérios e setoriais que utilizam o sistema, a fim de ouvir a sociedade, por meio de publicação de Consultas Públicas, divulgação de informações de Colegiados, pesquisas no módulo Opine Aqui e Agenda de Audiências Públicas.

Nesta primeira etapa, os representantes dos Ministérios e setoriais, que são responsáveis por publicar os documentos e responder às contribuições dos cidadãos, puderam compartilhar seus resultados, trocar experiências e propor melhorias.

A reunião, contou com representantes do Ministério da Economia (ME), Ministério da Infraestrutura (MInfra), Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Ministério das Comunicações (MCOM), Secretaria-Geral SG/PR, Comissão de Valores Mobiliários (CVM/ME) e Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD/PR).

“A nossa experiência de uso do Participa + Brasil tem sido muito gratificante”, ponderou Carlos Reis, representante do Minfra

Os aperfeiçoamentos sugeridos serão considerados pela equipe responsável e implementados a partir de um cronograma de desenvolvimento do sistema.

A representante da Secretaria Executiva da Comissão de Ética da Secretaria Geral da Presidência da República, Maria Adélia, relatou sobre o módulo Opine Aqui: “Pensamos em utilizar o Participa + Brasil somente para a sociedade civil. Em parceria com a equipe Técnica da SEAS, conseguimos transformar o GT para os públicos das Comissões de Ética e para os Agentes Públicos. Tivemos um resultado significativo. Em apenas duas semanas tivemos a participação de 2.575 respondentes. Foi muito interessante. Agora queremos utilizar a consulta pública”, explicou.

Os ciclos de “Diálogos para Troca de Experiências” acontecerão também com cidadãos mais engajados e que contribuem no Participa + Brasil, além das Organizações da Sociedade Civil usuárias.  Dessa forma, a SEAS busca aperfeiçoar a plataforma, ampliar e incentivar a participação social e oferecer aos seus usuários um serviço cada vez melhor. As próximas reuniões serão em agosto e setembro.

 

Conheça o Participa + Brasil, cadastre-se e participe:

gov.br/participamaisbrasil