Notícias

ASSISTÊNCIA

Brasil tem mais 75 novos leitos de suporte ventilatórios e outros 11 prorrogados

O Ministério da Saúde já habilitou mais de 1,6 mil leitos de suporte ventilatório em todo o país voltados para os cuidados intermediários de pacientes infectados com o coronavírus
Publicado em 03/12/2020 17h56

O Ministério da Saúde autorizou a habilitação de 75 leitos de Suporte Ventilatório Pulmonar (LSVP) para atendimento exclusivo aos pacientes confirmados ou com suspeita de Covid-19, em oito municípios de São Paulo. Os leitos possuem estruturas mais simples que uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e devem receber pacientes que não estão em estado grave da doença, mas que necessitam de suporte de oxigênio. Esses leitos têm habilitação temporária por 30 dias, mas podem ser prorrogados por igual período, em decorrência da situação epidemiológica do coronavírus no estado.

Ao todo, já foram prorrogados 1.604 leitos de suporte ventilatório em várias regiões do País. Esses leitos são voltados aos pacientes com sinais de insuficiência respiratória e podem prevenir a piora no quadro da doença. Os LSVP poderão ser instalados em Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), Hospitais de Pequeno Porte (HPP) e Hospitais Gerais (HG). 

“Os leitos intermediários são para pacientes que ainda não evoluíram para o estado grave, mas necessitam de suporte de oxigênio, são um canal rápido para o atendimento do paciente”, explica o secretário de Atenção Especializada em Saúde do Ministério da Saúde, Luís Otávio Franco Duarte. 

O custeio referente à diária da habilitação dos leitos de suporte ventilatório pulmonar será feito por transferência fundo a fundo (do executivo para os fundos estaduais) em parcela única, no valor correspondente a 30 dias, a partir da publicação da portaria. O Governo Federal vai pagar pela diária de cada leito o valor de R$ 478,72. 

Confira as habilitações de LSVP publicadas no DOU nesta quinta-feira (3) 

UF

MUNICÍPIO

ESTABELECIMENTO

GESTÃO

Nº DE LEITOS NOVOS

VALOR

SP

APARECIDA

SANTA CASA DE APARECIDA

ESTADUAL

8

R$ 114.892,80

SP

BARUERI

HOSPITAL DE CAMPANHA COVID 19 JARDIM PAULISTA

MUNICIPAL

5

R$ 71.808,00

SP

PIEDADE

SANTA CASA PIEDADE

MUNICIPAL

5

R$ 71.808,00

SP

SÃO JOSÉ DO RIO PARDO

HOSPITAL SÃO VICENTE

MUNICIPAL

4

R$ 57.446,40

SP

OSASCO

PS JOSÉ IBRAHIN

MUNICIPAL

30

R$ 430.848,00

SP

CONCHAL

HOSPITAL E MATERNIDADE MADRE VANNINI CONCHAL SP

MUNICIPAL

3

43.084,80

SP

SANTA BÁRBARA D'OESTE

HOSPITAL DE CAMPANHA COVID 19

MUNICIPAL

10

143.616,00

SP

LIMEIRA

SOCIEDADE OPERÁRIA HUMANITARIA LIMEIRA

MUNICIPAL

10

143.616,00

TOTAL

75

R$ 1.077.120,00

 

PRORROGAÇÃO DE LSVP 

Também foram prorrogados, nesta quinta-feira (3), cinco leitos de suporte ventilatório pulmonar em Lins (SP) e outros seis Canoas (RS), com investimento de R$ 157,9 mil nos dois municípios. Ao todo, o Ministério da Saúde prorrogou 1.167 leitos de suporte ventilatório em várias regiões do País. Para isso foram investidos, até o momento, cerca de R$ 16,7 milhões por parte do Governo Federal. 

A medida fortalece o Sistema Único de Saúde (SUS) e leva atendimento para a população em todo o país. Os recursos são repassados a partir da publicação das portarias no Diário Oficial da União.

O objetivo é cuidar da saúde de todos e salvar vidas. 

Os pedidos de habilitação e prorrogação dos leitos Covid-19 são feitos pelas secretarias estaduais e municipais de saúde, que garantem a estrutura necessária para o funcionamento destas unidades. 

Confira as prorrogações de LSVP publicadas no DOU nesta quinta-feira (3)

UF

MUNICÍPIO

ESTABELECIMENTO

GESTÃO

TOTAL DE N° DE LEITOS

VALOR

SP

LINS

SANTA CASA DE LINS

MUNICIPAL

5

R$ 71.808,00

RS

CANOAS

HOSPITAL PRONTO SOCORRO DE CANOAS DEP NELSON MARCHEZAN

MUNICIPAL

6

R$ 86.169,60

TOTAL GERAL

11

R$157.977,60

Por Bruno Cassiano
Ministério da Saúde
(61) 3315-3587 / 3580

 

Saúde e Vigilância Sanitária