Notícias

SUS + FORTE

Com investimento do Ministério da Saúde, Porto Feliz (SP) terá primeiro Pronto Socorro 24 horas

Unidade de urgência e emergência vai atender a mais de 50 mil moradores; investimento da pasta é de cerca de de R$ 3 milhões
Publicado em 22/11/2021 13h33
Com-investimento-do-Ministério-da-Saúde-Porto-Feliz-(SP)-terá-primeiro-Pronto-Socorro-24-horas.jpg

Os mais de 50 mil moradores do município de Porto Feliz, que fica no interior de São Paulo, vão ganhar o primeiro Pronto Socorro 24 horas. Em visita à cidade na manhã desta segunda-feira (22), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, fez o lançamento da pedra fundamental que dá início às obras de construção da unidade de saúde. Ao todo, o Ministério da Saúde deve investir mais de R$ 3 milhões na estrutura do Pronto Socorro que terá, aproximadamente, 1 mil metros quadrados.

A nova unidade vai reforçar os atendimentos de urgência e emergência do SUS na cidade. Até o momento, quem precisava dessa assistência contava com a Santa Casa de Porto Feliz que, embora não seja pronto socorro, realiza esses atendimentos. Entidade filantrópica sem fins lucrativos, a Santa Casa dedica pelo menos 60% dos seus atendimentos e procedimentos aos pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). O ministro da Saúde elogiou a dedicação dos profissionais da Santa Casa e parabenizou o esforço da cidade no combate à pandemia da Covid-19.

“Desde que cheguei nessa cidade, de Porto Feliz, vi pessoas que nos olham com os olhos do coração. Também vi na Santa Casa os esforços que foram feitos para que aqui fosse dado o atendimento que a população precisa. Essa assistência não pode ser uma ambulância para levar pacientes a centros maiores. Nós precisamos cuidar das pessoas desde a atenção primária ao atendimento especializado. E, na estrutura tripartite do SUS, precisamos fazer com que políticas públicas tenham concepção e concretude”, declarou Queiroga.

Santa Casa de Porto Feliz

Fundada em 31 de março de 1907, a Santa Casa de Porto Feliz é o único hospital do município. Hoje, a unidade de saúde funciona como hospital e pronto-socorro, apesar de não ser sua especialidade. Sob a gestão do município a Santa Casa é um hospital geral de atenção básica, média e alta complexidade que funciona 24h por dia, recebe demandas espontâneas, referenciadas e casos de urgência e emergência.

Ao todo, 7 mil procedimentos são realizados por mês, entre consultas, exames e internações. Entre as especialidades que os profissionais de saúde atendem na unidade estão: cuidados prolongados para enfermidades cardiovasculares, pneumológicas, neurológicas, osteomuscular, tecido conjuntivo e causas externas; procedimentos cirúrgicos, diagnósticos ou terapêuticos de hospital-dia; laqueadura e vasectomia e videocirurgias.

A unidade de saúde conta com 35 leitos, sendo 8 de cirurgia geral, 17 de clínica geral, 6 de obstetrícia cirúrgica, 3 de pediatria clínica e 1 para pacientes crônicos.

Fernando Brito
Ministério da Saúde

Saúde e Vigilância Sanitária