Notícias

Justiça

Força Nacional de Segurança Pública participa da Operação Verde Brasil

publicado: 03/09/2019 18h48, última modificação: 03/09/2019 18h48
Ação envolve bombeiros para conter os focos de incêndio em Rondônia e policiais no apoio à operações de fiscalização no Pará
Força Nacional de Segurança Pública participa da Operação Verde

Fonte: Ministério da Justiça e Segurança Pública

O Ministério da Justiça e Segurança Pública participa dos esforços do governo para conter os focos de incêndio na Amazônia. A Força Nacional de Segurança Pública atua, desde 25 de agosto, em Rondônia na Operação Verde Brasil. A equipe composta por 30 bombeiros apoia os trabalhos das Forças Armadas e do Ibama. Além da capital, Porto Velho, entre as áreas de atuação estão os municípios de Nova Mamoré, Ariquemes, Buritis e Candeias do Jamari.

Os bombeiros estão empenhados no combate às chamas, com equipamentos como mochilas costais com capacidade para 20 litros de água, abafadores, motosserras, sopradores e ferramentas de corte. Segundo o tenente-coronel Vandernilson Peres, que está no comando do efetivo, para que os locais não voltem a queimar após o controle das chamas, eles precisam realizar o trabalho de rescaldo. “É feita uma vistoria para a verificação da existência e, então, extinção completa dos focos ardentes, apagando completamente as brasas ou chamas ainda existentes”, observa.

O trabalho dos militares se une ao Hércules C-130 da Força Aérea Brasileira, que realiza voos para apagar os focos de incêndio. O objetivo do uso dessa aeronave é acabar com focos de calor, aumentar a umidade da região e criar uma barreira de contenção na área de floresta nativa. A aeronave tem capacidade para despejar 12 mil litros de água a cada voo e está sendo empregada diariamente nos esforços do Governo Federal no combate aos focos de incêndio na Amazônia.

Fonte: Ministério da Justiça e Segurança Pública

Em Altamira, no Pará, 40 militares da Força Nacional estão realizando diversas atividades relacionadas à Operação Verde Brasil. Sob a coordenação direta do Exército Brasileiro, através do Posto de Comando do 51º Batalhão de Infantaria de Selva, estão sendo desenvolvidas missões das mais diversas, entre elas reconhecimento e patrulhamento aéreo, reconhecimento e patrulhamento fluvial, patrulhamento rural e segurança dos servidores federais responsáveis pela fiscalização ambiental. Essas atuações ocorrem em cooperação com os órgãos federais envolvidos na operação.

Fonte: Ministério da Justiça e Segurança Pública