Notícias

DADOS

Confira os principais destaques da semana

Brasil no Enfrentando à Violência Contra a Mulher
Publicado em 29/11/2019 20h30 Atualizado em 29/11/2019 18h56
Confira os principais destaques da semana

Solenidade do dia do enfrentamento à violência contra a mulher. - Foto: Carolina Antunes/PR

Na semana de 25 a 29 de novembro, a Secretária Especial de Comunicação Social da Presidência da República lançou a Campanha “Enfrentando à Violência Contra a Mulher – 2019”, com a meta de sensibilizar à população brasileira sobre as violações contra as mulheres. A Semana ainda teve a entrada em operação plena da Usina Hidrelétrica de Belo Monte, às margens do Rio Xingu, no Pará; a abertura da 1ª Feira de Sustentabilidade do Polo Industrial da Zona Franca de Manaus; aumento de investidores ativos do Tesouro Direto; crescimento da confiança do empresário do comércio e transformação da Embratur na Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo.

Campanha: Para ressaltar a importância de combater a violência contra a mulher no Brasil, e em referência ao Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra a Mulher, instituído, em 1999, pelas Nações Unidas, a Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República lançou, nessa segunda-feira (25), a campanha publicitária “Enfrentando à Violência Contra a Mulher – 2019”. Com três vídeos publicitários, spots de rádio e peças para internet e cinema, a campanha tem a meta de promover uma união nacional para combater este tipo de crime. No primeiro semestre deste ano o Ligue 180, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, recebeu 46.510 denúncias de violações contra mulheres, um crescimento de 10,93% em relação ao mesmo período do ano passado.

Belo Monte: A Usina Hidrelétrica de Belo Monte entrou em plena operação nesta semana, com a inauguração da 18 ª turbina da Casa de Força Principal, pelo presidente Jair Bolsonaro, acompanhado pela primeira-dama Michelle Bolsonaro e o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. São 11.233,1 MW de capacidade instalada, o que corresponde a 7% da produção brasileira e 10% do consumo do país. A obra começou a ser construída, em 2011, às margens do Rio Xingu, no Pará, pelo consórcio de empresas Norte Energia, que venceu o leilão de concessão realizado em 2010. Segundo o grupo, 30 mil empregos foram gerados na edificação do projeto e R$ 6,3 bilhões já foram investidos em 5 mil ações de mitigação do impacto ambiental no sudoeste do Pará, onde está localizada a Usina, beneficiando 5 municípios da região.  

Feira de Sustentabilidade: O presidente Jair Bolsonaro também participou da abertura da 1ª Feira de Sustentabilidade do Polo Industrial da Zona Franca de Manaus (AM). O evento se estendeu até esta sexta-feira (29) com 130 expositores, além de palestras com nomes nacionais e internacionais, que abordaram temas como bioeconomia, investimentos, sustentabilidade e Amazônia. O Polo Industrial é um dos 3 polos da Zona Franca de Manaus, criada por decreto presidencial em 1967, e mantida por meio de isenções de impostos federais e estaduais, além de investimentos de empresas dos setores eletroeletrônico, duas rodas e químico. Segundo o superintendente da Zona Franca de Manaus, Alfredo Menezes, o polo industrial teve um faturamento de R$ 49 bilhões no primeiro semestre de 2019, concentra 493 indústrias e gera cerca de 90 mil empregos diretos.  

Tesouro Direto: A modalidade de investimento Tesouro Direto teve ampliação, em outubro, tanto do número de cadastrados no sistema quanto no de investidores ativos. Foram 236.886 novos participantes cadastrados no mês passado, somando 5.238.112 cadastros no Tesouro Direto, e um público de investidores ativos que chegou a 1.171.416. Em outubro o estoque de recursos atingiu R$ 59,2 bilhões. O Tesouro Direto foi criado em 2002 e é voltado para pessoas físicas. O investimento mínimo é de R$ 30 e o máximo de R$ 1 milhão. Os contratos podem ser prefixados, quando o investidor tem conhecimento do retorno, previamente, na hora que fecha a operação, ou pós-fixados, com o ganho estando condicionado à variação da inflação ou da Selic, taxa de juros básica da economia. Para participar o investidor precisa ter conta bancária em alguma instituição financeira habilitada junto ao Tesouro Direto, seja um banco ou corretora. Mais informações podem ser encontradas no endereço www.tesourodireto.com.br.

Confiança: A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) divulgou nesta semana que a confiança do empresário do setor atingiu 122,5 pontos em novembro, um aumento de 0,5% em relação a outubro e de 11,6% em relação a novembro de 2018. Em relação às expectativas para a economia, a CNC registrou que 91% dos empresários do setor esperam uma melhora econômica, ante 90,2% em outubro, e 10,3% superior a novembro de 2018. Segundo o presidente da CNC, José Roberto Tadros, “... a economia vem emitindo diversos sinais de recuperação gradual, e a crescente confiança do empresário do comércio vem confirmar um cenário de maior otimismo em relação ao aquecimento do consumo”.  

MP 907: A Medida Provisória 907, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro e publicada no Diário Oficial da União dessa quarta-feira (27), transforma a Embratur na Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo, com orçamento próprio e vinculada ao Ministério do Turismo. Os recursos da Agência vão passar de US$ 8 milhões para US$ 120 milhões a partir do ano que vem com o recebimento de 15,75% do adicional da Contribuição de Intervenção do Domínio Econômico (Cide), valores que, atualmente, são destinados ao Sistema S. A MP ainda mantém isenções como o do Imposto de Renda na compra de passagens aéreas e pacotes internacionais e no aluguel de aeronaves, o que, para o ministério do Turismo, manterá empregos e a maior disponibilidade de voos em 2020.

 

Conteúdo relacionado