Notícias

DIA DA INDEPENDÊNCIA

Desfile de 7 de setembro contagia público

publicado: 07/09/2019 18h48, última modificação: 09/09/2019 16h03
O pintor Fábio Vieira chegou cedo com a família para garantir um bom lugar
20190907074409_117A6295.JPG

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil - Foto:

A cerimônia que comemorou os 197 anos da Independência teve como tema: “Vamos valorizar o que é nosso”. O mesmo usado pela Semana do Brasil, ação promocional lançada nesta semana pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (Secom) para incentivar as vendas do comércio varejista e valorizar o sentimento de patriotismo do povo brasileiro.

E o que se viu na Esplanada dos Ministérios foi uma onda verde e amarela, uma empolgação que contagiou aqueles que chegaram cedo para acompanhar o desfile. Foi o caso do pintor de Luziânia (GO), Fábio Vieira, que chegou às 4h50 com a família para garantir um bom lugar na arquibancada. "A gente sempre quis vir, mas por causa do trabalho sempre adiava. Esse ano estamos sentindo um momento bom pra vir pro desfile porque o país tá recuperando nosso patriotismo", contou.

A servidora pública do Mato Grosso do Sul, Edit Rocha, já assistiu ao desfile outras vezes. Para ela, esse ano foi diferente, o público estava mais animado e com o sentimento de patriotismo renovado. "Teve um outro clima, foi bem diferenciado dos demais que participei. Senti uma diferença muito grande, o patriotismo, as famílias. Por ser a primeira participação do presidente Bolsonaro fez toda a diferença".

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, ressaltou a importância de se resgatar esse sentimento. “O Brasil hoje comemora o resgate do patriotismo e desse sentimento de que o Brasil pode sim avançar cada vez mais, respeitando as famílias, respeitando a população brasileira”, afirmou.

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, não escondeu a emoção no fim do desfile. “O entusiasmo e alegria da população foi maravilhoso. O Brasil motivado vai crescer muito agora e no ano que vem”.

Já o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, defendeu a valorização dos símbolos nacionais. “Nós temos sempre que valorizar o Brasil, 7 de Setembro, e estamos trabalhando também para avançar em todo o resto do governo”.