Notícias

TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

Rede Ebserh/MEC possui alto nível de informatização e maturidade tecnológica, aponta estudo

Pesquisa comparou os hospitais universitários federais vinculados à estatal com outras 2.959 unidades hospitalares no país
Publicado em 24/11/2021 15h19

Brasília (DF) – Um estudo independente, apresentado nesta terça-feira, 23, revelou o alto grau de informatização e maturidade tecnológica das unidades hospitalares da Ebserh, em termos de infraestrutura e sistemas de tecnologia da informação (TI). Realizado pelo O CGTIC/Nic.Br, unidade do Comitê Gestor da Internet (CGI) no Brasil, o estudo comparou os hospitais universitários federais da Rede Ebserh com outras 2.959 unidades hospitalares, públicas e privadas, que possuem internação e mais de 50 leitos.

O estudo levou em consideração indicadores como os dados de conexão à internet utilizada nos últimos 12 meses, gestão e segurança da informação, dados dos pacientes disponíveis eletronicamente, funcionalidades eletrônicas disponíveis em sistema e serviços de telessaúde disponíveis. Os resultados foram apresentados durante o Seminário Ebserh sobre Transformação Digital na Saúde, evento promovido pela Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI) da instituição e faz parte da programação do Fórum RNP 2021.

A diretora da DTI, Simone Scholze, ressaltou o desenvolvimento alcançado em termos de transformação digital para a saúde. “Comparativamente ao levantamento anterior, no ano de 2017, todos indicadores avaliados mostram o quanto avançamos. Ainda temos muito trabalho a ser feito, mas estamos caminhando a passos largos para alcançarmos a meta do Hospital Digital na Rede Ebserh com a evolução do AGHUX”, declarou a diretora se referindo à décima versão do Sistema de Gestão para Hospitais Universitários (AGHUX), ferramenta tecnológica usada para a gestão hospitalar na Rede Ebserh.

O CGTIC/Nic.Br avalia o nível de informatização dos hospitais brasileiros, compondo mais de 112 mil estabelecimentos hospitalares públicos e privados. Os dados positivos desse recorte relacionado a 2.959 unidades hospitalares no país, que inclui os hospitais da Rede Ebserh Ebserh, também serão divulgados no Encontro Nacional de Gestores de TI dos HUs da Ebserh, que acontecerá na sequência, dias 24 a 26 na administração central da estatal.

Sobre o evento

A Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) realiza anualmente o Fórum RNP, encontro que aborda assuntos políticos e estratégicos do setor de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) com o olhar no futuro das redes e infraestrutura de tecnologia que compõem o sistema nacional de CT&I. A partir dessa temática, promove um amplo debate sobre o uso e a gestão das TIC para finalidade de ensino, pesquisa, inovação, saúde, cultura e defesa. A programação conta com atividades de 22 a 26 de novembro.

Este ano, o Fórum RNP 2021 une-se ao X Congresso Brasileiro de Telemedicina e Telessaúde (CBTms) e ao XVIII Congresso Brasileiro de Informática e Saúde (CBIS), formando o maior congresso de saúde digital da América Latina.

Sobre a Ebserh 

Criada em 2011, a Ebserh, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.  

Os hospitais vinculados a universidades federais possuem características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, apoiam a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde.

Com isso, a Rede Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde das regiões em que estão inseridos, mas se destacam pela excelência e vocação nos procedimentos de média e alta complexidades.

 

Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações da Ebserh