Notícias

COMBATE À COVID-19

Ministro da Educação visita Centro Educacional Unificado em Guarulhos

CEU Continental oferece segunda dose de vacina contra a Covid-19 aos profissionais de saúde com 47 anos ou mais
Publicado em 04/05/2021 14h51 Atualizado em 04/05/2021 14h55
COMBATE À COVID-19
Ministro Milton Ribeiro, em visita ao Centro Educacional Unificado (CEU), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC
Combate ao Covid-19
Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Foto: Catarina Chaves/MEC

O Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro, visitou, nesta segunda-feira (3), o Centro Educacional Unificado (CEU) Continental, em Guarulhos (SP), onde profissionais da educação estão recebendo a segunda dose da vacina contra Covid-19. Estão sendo imunizados os profissionais da educação com 47 anos ou mais. A campanha, que teve início no mês de abril, teve as primeiras doses aplicadas entre os dias 12 e 19 de abril, e iniciou a aplicação das segundas doses nesta segunda-feira.

Milton Ribeiro estava em Guarulhos para participar de um evento promovido pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) para atender aos prefeitos de São Paulo. O evento ocorreu pela manhã e o ministro foi convidado a visitar o CEU Continental. "Nós estamos vendo aqui a concretização daquilo que temos lutado, por considerar a educação essencial. Estou aqui, em Guarulhos, com a presença do nosso prefeito Guti, do nosso deputado Paterneli, para dizer que Guarulhos está na rota certa vacinando os professores", afirma Milton.

O Ministério da Educação (MEC) tem se empenhado, desde o início da pandemia de Covid-19, para minimizar os impactos sob a educação brasileira. De acordo com o Censo Escolar da Educação Básica, mais de 2 milhões de docentes foram registrados na educação básica brasileira em 2020, sendo 593 mil professores atuantes na educação infantil, 748 mil professores atuantes nos anos iniciais do ensino fundamental, 753 mil atuantes nos anos finais do ensino fundamental, e mais de 505 mil professores atuantes no ensino médio. O MEC se dedica continuamente à inclusão dos profissionais da educação no grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19, já que entende esse como um grupo que exerce papel essencial no país, e visa ao retorno seguro das atividades escolares.

Recentemente, o MEC solicitou ao Ministério da Saúde a imunização de profissionais do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) que atuam diretamente na elaboração do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A Diretoria de Avaliação da Educação Básica (Daeb) do Inep é responsável pela elaboração do Enem, que é aplicado em todos os estados do país e no Distrito Federal. O planejamento do Exame, que deve acontecer ao final deste ano, já está em andamento.

Diante disso e da relevância nacional do Enem para as políticas públicas educacionais, o ministro da Educação encaminhou o pedido ao Ministério da Saúde, solicitando a vacinação dos 39 colaboradores, que trabalham durante longos períodos em ambiente seguro no Inep sem janelas, para que o Enem 2021 seja elaborado e realizado com a qualidade e a segurança desejável para essa importante atividade.

 

Assessoria de Comunicação Social do MEC