Notícias

TECNOLOGIA

MEC realiza doação de 200 computadores a abrigos e instituições federais de Roraima

Os abrigos da Operação Acolhida em Boa Vista e o Instituto Federal de Roraima foram contemplados pela doação
Publicado em 13/10/2021 18h52 Atualizado em 14/10/2021 11h27
TECNOLOGIA
Milton Ribeiro entregando os 200 computadores para doação. Foto: Luis Fortes
TECNOLOGIA
Milton Ribeiro entregando os 200 computadores para doação. Foto: Luis Fortes
TECNOLOGIA
Milton Ribeiro entregando os 200 computadores para doação. Foto: Luis Fortes
TECNOLOGIA
Milton Ribeiro entregando os 200 computadores para doação. Foto: Luis Fortes

O Governo Federal, por meio da Assessoria Internacional (AI), da Secretaria- Executiva (SE) e da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC), articulou a doação de 200 computadores aos abrigos da Operação Acolhida em Boa Vista e ao Instituto Federal de Roraima (IFRR). A logística do transporte dos computadores será realizada pelo Ministério da Defesa (MD).

“O patrimônio é público e se ele puder servir as pessoas, sobretudo os cidadãos brasileiros, é ótimo. Eu fico inconformado de ver bens parados e estocados sem o uso devido. Faremos aquilo que o MEC puder fazer, como a doação desses computadores.”, disse o Ministro de Estado da Educação, Milton Ribeiro, sobre a ação. E acrescentou: “Vamos procurar fazer o melhor possível para ajudar a todos no Brasil que realmente precisam (...)”.

A Operação Acolhida é uma força-tarefa humanitária executada e coordenada pelo Governo Federal, por meio do Comitê Federal de Assistência Emergencial. A Operação recebe apoio dos entes federativos, de agências da Organização das Nações Unidas (ONU), de organismos internacionais, de organizações da sociedade civil e de entidades privadas, que oferecem assistência emergencial aos refugiados e migrantes venezuelanos que entram no Brasil pela fronteira de Roraima.

Foram criados 13 abrigos para acolher migrantes que chegam ao estado de Roraima, e há a previsão de construir mais 3, chegando a 15 ainda em 2021. Nos abrigos, são oferecidos alimentação, proteção, segurança, saúde e atividades sociais e educativas. Até julho deste ano, quase 8 mil pessoas integravam a população abrigada.

Segundo dados da Operação Acolhida, mais de 256 mil migrantes e refugiados venezuelanos solicitaram regularização migratória e cerca de 56 mil migrantes foram interiorizados. Ao todo, mais de 890 mil atendimentos foram realizados na fronteira.

Dos 200 computadores, 100 serão destinados à Operação Acolhida e outros 100 ao IFRR. Os eletrônicos que serão disponibilizados ao Instituto promoverão a ampliação do acesso a cursos e aplicativos de informática aos estudantes e a toda comunidade.

 

Assessoria de Comunicação Social do MEC