Notícias

FÓRUM

Em videoconferência, CAPES discute gestão da pós-graduação

Cláudia de Toledo, presidente da Fundação, reuniu-se com o Fórum Nacional de Pró-Reitores de Pesquisa e Pós-Graduação
Publicado em 21/09/2021 14h22 Atualizado em 21/09/2021 14h23

Cláudia Queda de Toledo, presidente da CAPES, participou de reunião com o Fórum Nacional de Pró-Reitores de Pesquisa e Pós-Graduação (Foprop). O encontro, realizado por videoconferência em 9 de setembro, abordou temas como a Avaliação Quadrienal 2017-2020, o relatório final do Plano Nacional de Pós-Graduação (PNPG), o calendário de Apresentação de Propostas para Cursos Novos (APCN) e o Programa Nacional de Pós-Doutorado (PNPD).

“A Avaliação corre bem, do ponto de vista do comprometimento da equipe, dos coordenadores, dos avaliadores”, disse Cláudia de Toledo. A presidente da CAPES citou a criação da Comissão de Acompanhamento e Apoio dos Processos da Avaliação Quadrienal 2017-2020, composta por representantes dos três Colégios de avaliação e da Fundação, cuja missão é agilizar os trabalhos. A Avaliação Quadrienal é o principal instrumento de controle de qualidade da pós-graduação brasileira.

Já o planejamento decenal é papel do PNPG. A comissão responsável por apresentar o relatório final do período iniciado em 2011 e encerrado em 2020 está com os trabalhos praticamente concluídos. “O núcleo do documento está pronto. Em breve deve ser disponibilizado”, pontuou Cláudia de Toledo. O Plano traça um diagnóstico da pós-graduação do País em uma década e aponta possíveis soluções para o próximo decênio.

Quanto ao calendário de APCN, a CAPES estuda datas para lançamento. A apresentação da proposta de cursos novos é feita pelas instituições, na Plataforma Sucupira. A Fundação é parte do processo de autorização, precedendo a deliberação da Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação e a homologação do ministro da Educação (leia mais aqui).

Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações da CAPES

Educação e Pesquisa