Notícias

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla

Publicado em 21/08/2018 00h00 Atualizado em 21/08/2018 17h05

De 21 a 28 de agosto é celebrada a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla. Instituída em 1964, com o nome de Semana Nacional da Criança Excepcional, foi pensada para elucidar a condição dessas pessoas de forma a contribuir para a desconstrução de preconceitos, divulgar quais são as necessidades destas pessoas, cada uma com sua excepcionalidade e colocar a sociedade em reflexão no dever da igualdade para inclusão.

Com base no tema "Família e pessoa com deficiência, protagonistas na implementação das políticas públicas", a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla de 2018 acontece para reafirmar a importância da participação da família, em todos os processos de vida de seus filhos, seja educacional, de desenvolvimento, de habilitação e reabilitação, e nas demais áreas.

A Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla foi sancionada pela Lei nº 13.585, de 26 de dezembro de 2017. A Semana também tem a função de sensibilizar governos e comunidades em relação às potencialidades das pessoas com deficiência e chamar a atenção para suas necessidades, tanto para a definição de políticas públicas quanto para o combate ao preconceito.

Para o ministro dos direitos humanos, Gustavo Rocha, a importância da Semana é na conscientização de que essas pessoas possam ter uma condição de cidadania plena, com autonomia e independência.

“A militante histórica Maria Lourdes Guarda tinha uma frase que dizia que ‘nenhuma deficiência impede a vida’. Essa é a frase mais verdadeira que eu conheço e ela tem sido cada vez mais aplicada às pessoas com deficiência”, completa o secretário nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marco Pellegrini.

Reportar erro